O mote da alimentação saudável se baseia em muitos pontos, mas principalmente, no comer bem e de forma correta.

Porém, o uso abusivo de agrotóxicos em diversos tipos de cultivos atualmente não permite que nos alimentemos sempre de algo completamente puro, que não polua o meio ambiente  e nem danifique plantações.

Um relatório elaborado pela Anvisa (Agência de Vigilância Sanitária) revela que no Brasil são usados 19% de todos os tipos de defensivos agrícolas existente no mundo inteiro. E este fato é alarmante para a saúde do organismo humano, devido as altas concentrações de substâncias tóxicas presentes nos alimentos infectados.

Com o objetivo de proteger plantações e consumidores, a Nossa Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos e Pela Vida, surgida em 2011, corre atrás agora de financiamento para projetos sociais e atividades variadas em prol da abolição do uso de agrotóxicos.

No momento, o projeto pede por colaborações dos apoiadores da causa e de demais interessados que possam aplicar valores definidos em cima de suas propostas. Se atingirem a marca de R$ 18.800, os organizadores prometem a realização de palestras e seminários, criação e distribuição gratuita de folhetos e cartazes, além da produção de um curta metragem, apoio a hortas orgânicas e ações de manutenção de um canal de comunicação entre campanha e interessados.

Mais informações? Ficou a fim de ajudar? Acesse aqui.