Créditos: reprodução/Disney Junior

Ursinho Pooh

O Ursinho Pooh se tornou mais uma vítima da censura do governo da China, e está cada vez mais difícil publicar qualquer conteúdo nas redes sociais do país relacionado ao personagem.

Pooh está envolvido em um caso envolvendo o presidente chinês e o ex-presidente dos Estados Unidos Barack Obama. Mas calma, não estamos à beira de um conflito diplomático.

A censura é porque voltaram a repercutir em sites populares chineses como Weibo e WeChat algumas imagens que comparam Xi Jinping, o presidente, ao ursinho da Disney.

Como nesta foto, em que ele (Jinping) está ao lado de Obama:

Ou nesta, em um encontro com o premiê japonês Shinzo Abe:

A proibição acontece por causa da proximidade do congresso do Partido Comunica Chinês, no qual Jinping deve ter um novo mandato, de acordo com a AFP.

No Twitter, os usuários se manifestaram a favor do ursinho:

  • Leia mais:

O maravilhoso humor dos brasileiros nas crises