Créditos: Reprodução/Facebook

Jessica precisava levar a cadela Luna para a aula. E o professor, com bom humor, permitiu!

A passagem do furacão Irma pela Flórida, nos Estados Unidos, afetou a vida de milhões de pessoas, entre elas, a da universitária Jessica Lewis. Moradora do estado, ela decidiu esperar a tempestade passar na casa da família, em Atlanta, e precisava levar sua cadela, Luna, para a viagem que seria logo após a faculdade.

Para isso, ela escreveu  um e-mail explicando a situação ao professor e fazendo um pedido inusitado.

"Doutor Kennedy, meu nome é Jessica Lewis e eu estou na sua aula ... Eu entendo que a resposta para a minha pergunta provavelmente será não, mas acredito que você seja um professor legal o suficiente para dizer sim... Eu posso levar o meu cachorro para a aula hoje? Isso me ajudaria muito porque a sua aula é a minha última do dia e eu preciso partir para Atlanta o mais rapidamente possível (estou tentando ir embora antes do trânsito do furacão, mas a sua aula é importante para mim e eu não gostaria de perdê-la)", pediu a jovem no e-mail.

O que Jessica não esperava era que seu professor fosse responder ao pedido de uma maneira inusitada. “Você achou que me chamar de 'legal' iria me convencer? Porque isso não irá funcionar. O que irá funcionar é que ela é claramente uma ótima mascote então é claro que ela pode participar da minha aula!".

Com o aval do professor, Jessica conseguiu levar a cadela Luna à universidade e de lá partiu em segurança para a casa da família. De quebra, a atitude do professor viralizou e conquistou diversos corações pela web.

Veja também:

Abrigo faz parceria com empresa aérea para salvar pets de furacão