O Startup Culture foi um site criado para mapear o ecossistema de startups do país e ao mesmo tempo criar uma interface para facilitar o diálogo e a troca de informações entre empreendedores de diferentes regiões.

A ideia surgiu da necessidade de uma conexão para troca de ideias entre diferentes iniciativas. "Era nítido que não existia um local onde se pudesse trocar experiências, saber o que está acontecendo, quais startups estão surgindo, ter feedback das idéias, por onde começar, parte burocrática e outras tantas necessidades", explica Fabio El Beck, um dos criadores da plataforma.

startups_2

Créditos: startups_2

 

O primeiro passo foi desenvolver a MVP (minimum viable product), reunindo as startups de todo o Brasil por geolocalização. Iniciativas que não estão no mapa podem se cadastrar e melhorar ainda mais a ferramenta, que traduz a atividade empreendedora do Brasil de forma chamativa e visual.

"No primeiro dia, colocamos o zoom em São Paulo, pois achamos que a cidade teria mais acessos e as coisas de maneira geral iriam devagar", conta El Beck. "Para nossa surpresa, no segundo dia, startups do Amapá e Pelotas já se cadastraram, fazendo com que o mapa fosse atualizado para pegar o Brasil todo", comemora.

O objetivo final é consolidar uma comunidade empreendedora nacional e um espaço de conteúdo relevante para o desenvolvimento dos projetos. A ideia é ajudar em todas as áreas relativas a "ser um empreendedor", atuando em educação, parte burocrática, auxilio geral, eventos, etc.