Entre uma batucada e outra, nos últimos anos a cidade São Paulo vive o renascimento do samba em seus becos, fundões, botecos e vielas. Os encontros são muitos, como em Santo Amaro, no Bom Retiro, Vila Madalena ou em São Matheus, onde os bambas da nova e da velha escola se reúnem para celebrar a poesia de Paulo da Portela, Noel Rosa, Nenê de Vila Matilde, Carlão do Peruche, Germano Mathias e Jovelina Pérola Negra- homenageada de novembro no Projeto Comunidade Samba do Monte, que acontece neste domingo a partir das 14h.

Um dos organizadores do samba realizado no Jardim Monte Azul, na zona sul da periferia de São Paulo, o produtor cultural Jaime Diko Lopes reflete os esforços da comunidade nesses anos de luta e intensa dedicação. “Apesar das dificuldades, sabemos que o resultado de todo este esforço tem sido bastante positivo. É um trabalho que nos dá bastante orgulho”.

Na festa deste domingo, destaque para a participação especial do grupo “Z’África Brasil”, criado por Gaspar e Fernandinho Beat Box, em 1995. “Convidamos o pessoal do Z’África justamente pela forma como eles transmitem sua mensagem, agregando valores da nossa musicalidade, dialogando com outras linguagens e, sobretudo, valorizando a cultura nacional”.

Além disso, a roda celebra a história de uma das mais importantes escolas de samba do carnaval paulistano, com a Velha Guarda do Vai-Vai. “É importante que as futuras gerações saibam reconhecer o valor de nomes como o de Benedita de Oliveira. Estas pessoas são os pilares do samba, fazem parte da sua criação e mantém viva a tradição até os dias atuais”.

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=LNURN92Ftkk&feature=player_embedded[/youtube]

Geraldo Filme

Nascido na cidade de São João da Boa Vista em 1928, Geraldo Filme veio para São Paulo, no início da década de 30, para morar no bairro da Barra Funda. Ainda na infância, passou a frequentar o Cordão Carnavalesco Campos Elíseos e começou a participar das rodas de tiririca no Largo da Banana, onde aprendeu a dar pernadas nas disputas com os malandros e outros sambistas.

Considerado e muito bem quisto no cenário do samba paulista, Geraldo é autor de sambas-enredos vitoriosos para escolas como Unidos do Peruche e  Vai-Vai. Com o samba-enredo "Solano Trindade, Moleque de Recife" levou a escola do Bexiga ao título de campeã em 1976.

Geraldo Filme, que faleceu em 1995, apresentou ao Brasil a expressão da cultura negra paulista. Um samba marcado pelo sotaque caipira, ao som da viola, na fusão de ritmos, evidenciando os traços únicos de um estilo marcado pela influência tradicional das rodas de bamba de São Paulo.

Aniversário de 3 anos do Samba do Monte

09 Out

  • Dom 09/10 das 14:00 às 20:00

Avenida Simão Bolívar - Jazz na Avenida
Avenida Simon Bolívar, s/n Armação Salvador - BA
R$ 2
add Google Agenda

09 Out

  • Dom 09/10
    • das 14:00 às 20:00
    • das 14:00 às 20:00

add Google Agenda