Boas notícias para quem não curte muito o visual ‘cara lisinha’. Segundo pesquisadores da Universidade de Southern Queensland, da Austrália, a barba ajuda a proteger a saúde de quem a cultiva. Entre os benefícios descobertos, o estudo destaca proteção contra alergias, tosse e raios ultravioletas.

Créditos: bymuratdeniz/istock

Barba ajuda a proteger contra os raios ultravioletas

De acordo com o site Minha Vida, parceiro do Catraca Livre, para análise, os cientistas colocaram manequins ao sol. Metade deles tinha uma barba artificial e a outra metade tinha a cara lisinha. Depois disso, eles mediram a quantidade de radiação absorvida por cada um deles. Os resultados mostraram que aqueles que tinham barba tiveram quase 35% menos de exposição aos raios UV.

Os pesquisadores descobriram que dependendo do tamanho e grossura dos pelos, a barba pode funcionar como um protetor solar com FPS de até 20. Além disso, revelaram que o bigode serve como uma barreira de proteção contra as bactérias trazidas pela poeira, sendo que em alguns casos essa sujeira pode desencadear os sintomas da asma.

Notou-se também que quando a barba é longa a ponto de cobrir parte do pescoço, os ataques de tosse causados por inflamações na garganta podem durar menos tempo, isso porque ela deixa a região mais aquecida.

O estudo ainda mostrou que a barba também é capaz de manter a região facial mais jovem, a explicação para isso é que a pele se protege melhor contra o vento e permanece hidratada por mais tempo.

  • Para desfrutar dos benefícios da barba é preciso alguns cuidados. Clique aqui e aprenda a cuidar corretamente dos pelos dessa região.