reprodução

Créditos: Reprodução

"Sementuca" transforma bitucas de cigarro em papel

Três estudantes da Escola Técnica Estadual de Heliópolis desenvolveram um projeto para reutilizar cerca de 30 milhões bitucas de cigarros descartadas por dia na capital. Chamada “Sementuca”, a iniciativa transforma os resíduos em folhas de papel semente.

A ideia dos jovens, de 16 a 18 anos, surgiu depois da Lei Antifumo, que aumentou o número de bitucas jogadas nas calçadas da cidade. Foi desenvolvido no curso de Administração e exigiu que os estudantes aprendessem conceitos de química para colocar a ideia em prática.

No projeto, as bitucas são limpas em uma solução química que tira o odor do fumo antes de formar a pasta de celulose. O experimento envolveu cerca de 300 bitucas, que conseguiram produzir sete folhas de papel em tamanho A4.

O “Sementuca” foi apresentado na 6.ª Feira Tecnológica do Centro Paula de Souza, sob coordenação da professora Taís Bisbocci. E receberá um registro na Biblioteca Nacional, no Rio.