Com Celso Sabadin.
Nesta palestra, o jornalista e crítico de cinema fala e exibe trechos de filmes de Charles Chaplin, mudos ou sonoros, em que a verdadeira expressão cinematográfica se realiza por meio de imagens, sem palavras. O encontro evidencia, também, alguns momentos antológicos nos quais Chaplin expunha toda sua indignação contra o cinema sonoro.

Cinema falado