Fotógrafos registram o desaparecimento das geleiras

Informar

Carregador de celular para bike é movido a vento

Por: Redação

Tamas, o equivalente a Thomas na Hungria, não é um “aborrecente” – em vez de só reclamar quando tem algum problema, ele vai lá e busca uma solução. Não é para menos: o garoto de 17 anos é praticamente um professor Pardal júnior, como pode ser visto em sua página no portal Instructables. Um de seus inventos de maior sucesso é um carregador de celular para bike que é movido a vento.

O carregador de celular para bike é movido a vento
O carregador de celular para bike é movido a vento

Ao desenvolver o aparato, Tamas contornou uma dificuldade que ele próprio enfrentava. Como gosta de pedalar por lugares que não oferecem uma tomada para plugar o smartphone, sua ideia foi aproveitar a energia da brisa enquanto a bicicleta se desloca para fazer a recarga do celular.

Segundo o próprio inventor, um equipamento semelhante pode ser adquirido no site eBay por US$ 112 (R$ 377). Sua solução caseira é bem mais barata: cerca de US$ 5 (R$ 16,83), com a compra de um módulo de aumento de potência de 5v.

As ferramentas necessárias para fazer o apetrecho

A base do carregador é proveniente da reciclagem de componentes. Tamas usou a CPU (unidade central de processamento) de um velho ventilador de mesa, uma bateria de telefone antigo, um interruptor e um suporte para alocar o utensílio à bike.

Os componentes incluem um velho ventilador de mesa e uma bateria de telefone

Para fazer a peça, o instrumental necessário inclui um ferro de solda, uma pistola de cola, um alicate cortante, um multímetro (medidor de grandezas elétricas) e fita isolante.

Em primeiro lugar, retire a hélice do ventilador. Dentro dele, há três cabos; solde um fio a cada um deles e, com o multímetro, identifique os dois que oferecem a melhor voltagem. Descarte o terceiro a partir da medição.

É preciso detectar os cabos de maior voltagem no ventilador

A seguir, recoloque a hélice para constituir uma ponte de diodo, que transforma a corrente alternada em contínua, e conectá-la ao ventilador.

A hélice é recolocada para constituir uma ponte de diodo

Ligue, então, a bateria ao módulo de aumento de potência e, entre eles, aloque o interruptor. O conjunto deve ser colado nas laterais da CPU do ventilador. Para tornar o aparato à prova d’água, vede-o com fita isolante. Use o suporte para prendê-lo à bike, como indica o tutorial de sua produção.

Clique aqui e conheça o projeto As Melhores Soluções Sustentáveis.

Um interruptor é colocado entre a bateria e o módulo

Graças a Tamas e seu carregador de celular para bike, os adolescentes que saírem pedalando por aí não poderão mais usar com os pais a desculpa de que não atenderam ao smartphone porque a bateria acabou.

Depois da colagem, só falta vedar o carregador com fita isolante

Leia também: Airbags e cintos de segurança de carros viram mochilas

Curadoria: engenheiro Bernardo Gradin, especialista em soluções sustentáveis.