Projeto empresta lanternas para a travessia de pedestres

Informar

Elevador movido a pedaladas breca sedentarismo e poupa ambiente

Veículo se parece com uma bicicleta e foi desenvolvido por uma arquiteta do Reino Unido

Por: Redação

Acha que elevadores comuns despertam a claustrofobia? Gosta de andar de bicicleta? Se respondeu “sim” às duas perguntas, você tem grandes chances de adorar um projeto da arquiteta Elena Larriba, do Reino Unido. Ela criou uma espécie de bike que anda na vertical e funciona, assim, como um elevador movido a pedaladas.

Elevador movido a pedaladas breca sedentarismo e poupa ambiente

Elevador movido a pedaladas breca sedentarismo e poupa ambiente. Curadoria: engenheiro Bernardo Gradin, presidente da GranBio e especialista em soluções sustentáveis. Saiba mais: https://www.facebook.com/bernardogradin

Mas calma, que o Vycle, o veículo em questão, não vai deixar marcas de pneu nas paredes. Não é desse jeito que ele funciona – nem rodas a “bicicleta-elevador” tem, na verdade.

Sua estrutura se encaixa em uma coluna, e o sistema, acionado por movimentos circulares contínuos, anda de acordo com o sentido das pedaladas – se são para a frente, a “bike” sobe; para baixo, ela desce.

Esse é o elevador movido a pedaladas
Crédito: Reprodução/Instagram/@vycle_Esse é o elevador movido a pedaladas

Para cima, por sinal, é a direção do crescimento das grandes cidades do mundo, que ganham novos arranha-céus a cada ano. E é justamente para atender às necessidades de quem precisa ir “para o alto e avante” que Elena Larriba, com a ajuda do engenheiro Jon Garcia, criou o projeto do Vycle.

Graças às engrenagens do sistema, equilibrado com contrapesos, não é necessário um esforço hercúleo para alcançar os andares mais altos: o usuário precisa pedalar o suficiente para vencer o próprio peso na hora de se deslocar.

Clique aqui e conheça o projeto As Melhores Soluções Sustentáveis.

Croqui de projeto com o elevador movido a pedaladas
Crédito: Reprodução/Instagram/@vycle_Croqui de projeto com o elevador movido a pedaladas

Elena diz ter criado um mecanismo mais ergonômico que as escadas e mais sustentável que os elevadores tradicionais. Quem gosta de andar de bike, fazer exercício e tem medo de ficar preso nas cabines que sobem e descem nos edifícios só tem a agradecer.

Leia também: Ciclovia que gera energia é implantada em capital brasileira

Curadoria: engenheiro Bernardo Gradin, presidente da GranBio e especialista em soluções sustentáveis.