Dimenstein: pior dessa foto não é o rosto desfigurado da mulher

Por: Gilberto Dimenstein | Comunicar erro
Tags: #News

Essa é minha primeira coluna do ano.

Fui dormir tarde, como a maioria dos brasileiros. Mas a foto dessa mulher com o rosto inchado não me saiu da cabeça.

O pior da foto não é o rosto desfigurado da mulher. É a impunidade.

Faço apenas uma pergunta: por que esse animal não passou o Réveillon vindo os fogos da cadeia.
É o tipo do mau exemplo que estimula a impunidade.

Veja o texto da Catraca:

Investigado por agredir a mulher, Fábio Tuffy Felippe, de 44 anos, teve a prisão temporária negada pela Justiça, segundo reportagem do “Fantástico”, da Rede Globo. O rapaz que é filho do presidente da Câmara dos Vereadores do Rio, Jorge Felippe (MDB), teria agredido a vítima Christini Cardoso de França Felippe, no último dia 21, por não aceitar o fim do relacionamento.

Imagens do rosto de Christini desfigurado pelas agressões circularam nas redes sociais. Nelas, ela aparece com os olhos roxos e inchados.

A delegada Cristiane Carvalho chegou a pedir a prisão temporária de Fábio, mas o pedido foi negado pela juíza do plantão judiciário noturno, Angélica dos Santos Costa. A magistrada alegou que o caso não deveria ser avaliado no plantão e também criticou o inquérito, que – segundo ela – teria sido aberto cinco dias após o crime.

O Ministério Público recorreu e agora essa decisão será tomada por um desembargador.

Ao “Fantástico”, a delegada responsável pelo caso disse que a intenção de pedir a prisão foi justamente evitar a fuga do acusado e preservar a vida da vítima e de seus familiares, que estão escondidos com medo de Tuffy.”

Razão do medo é simples: ele ameaçou a família se falassem.

Compartilhe:

Autor: Gilberto Dimenstein

Jornalista, educador e fundador da Catraca Livre.