Opinião: Bolsonaro consegue unir Danilo Gentili e Catraca Livre

Por: Gilberto Dimenstein | Comunicar erro

Pela primeira vez, Catraca Livre tem de admitir que o humorista Danilo Gentili está certo, ao criticar Magno Malta.

Ele foi até mais longe do que a Catraca: lançou a hashtag #MagnoMaltaNão.

Especula-se com intensidade que o senador Magno Malta, derrotado nas eleições, ocuparia o “Ministério da Familia” – uma reunião do Desenvolvimento Social e Direitos Humanos.

O pastor Silas Malafaia, que esteve com Bolsonaro duas vezes esta semana, contou ao jornal que o militar reformado não mencionou a intenção de criar uma pasta com família no nome, mas sugeriu que Malta é nome garantido no governo. “A única coisa que ele falou” é que Malta é “um cara vital e guerreiro e que está sem mandato” a partir de 2019, de acordo com o pastor. Por isso, teria espaço em seu ministério.

Neste momento, está em consulta online no Senado proposta de Malta para impedir o casamento de pessoas do mesmo sexo. Para votar, clique aqui

Na eleição passada, ele não se reelegeu, derrotado por um candidato gay.

Apesar de apoiarmos a mesma campanha #magnomaltanão, estamos preocupados não só com o despreparo e bajulação do senador. Mas por ele ser homofóbico.

Sem contar os sólidos rumores sobre sua falta retidão com dinheiro público.

Compartilhe:

Autor: Gilberto Dimenstein

Jornalista, educador e fundador da Catraca Livre.