3 dicas para potencializar seus treinos com alimentação

Saber quando e o que comer pode fazer a diferença nos seus treinos; entenda a conexão entre comer e se exercitar

Por: Redação Comunicar erro

Alimentação e exercícios físicos andam de mãos dadas. E a explicação é bem simples: a escolha certa dos componentes das refeições pode dar um gás ao corpo e ajudá-lo a se recuperar mais rapidamente após os treinos.

Especialistas da Mayo Clinic, um dos hospitais de referência dos Estados Unidos, reuniram várias dicas importantes para quem se exercita. Confira abaixo:

1. Aposte em um bom café da manhã 

cereais com iogurte e frutas
Crédito: zeljkosantrac/istockUm bom café da manhã fornece a energia necessária para um bom desempenho

Se você se exercita de manhã, acorde cedo o suficiente para terminar o café da manhã pelo menos uma hora antes do treino.  Estudos sugerem que comer ou beber carboidratos antes de começar a prática de atividade física ajuda a melhorar o desempenho e permite que você treine por mais tempo ou com maior intensidade. Se você não comer, você pode sentir-se lento ou tonto durante algum exercício.

Se você planeja se exercitar dentro de uma hora após o café da manhã, tome um café da manhã leve ou beba algo como uma bebida esportiva. Também vale caprichar nos carboidratos para conseguir o máximo de energia.

Boas opções de café da manhã incluem:

  • Cereais ou pães integrais
  • Leite com baixo teor de gordura
  • Suco
  • Banana
  • Iogurte
  • Panqueca

2. Controle a quantidade do que se come

lanche

Outro ponto que merece atenção é o tamanho das porções. Já que comer demais ou de menos pode acabar prejudicando o desempenho durante o treino. A indicação é a seguinte:

Grandes refeições – Consumir pelo menos três a quatro horas antes do exercício.

Pequenas refeições ou lanches – Consumir cerca de uma a três horas antes do exercício.

É importante saber que lanches ingeridos logo antes do exercício não dão a energia adicional se o treino durar menos de 60 minutos.

Boas opções de lanches incluem:

  • Barra de cereal
  • Banana, maçã ou outra fruta fresca
  • Iogurte
  • Batido de frutas
  • Pão ou bolachas integrais
  • Sanduíche com pasta de amendoim

3- Alimente-se após se exercitar

Para ajudar seus músculos a se recuperarem e substituírem seus estoques de glicogênio, consuma uma refeição que contenha carboidratos e proteínas, se possível, dentro de duas horas da sua sessão de exercícios.

Boas opções pós-treino incluem:

  • Iogurte e frutas
  • Sanduíche com pasta de amendoim
  • Leite com chocolate
  • Batido de iogurte
  • Pão integral com legumes

É importante também não esquecer de beber líquidos. O corpo precisa de fluidos adequados antes, durante e após o exercício para ajudar a prevenir a desidratação.

Compartilhe: