O que fazer quando a ansiedade te domina?

Informar

10 dicas de duas corredoras para você evoluir nos treinos

Pedimos para duas corredoras listar suas dicas de sucesso com quem é iniciante nesse mundo da corrida

Por: Redação

Não é surpresa que a corrida está fortemente associada a uma série de benefícios para nosso corpo e mente. Como é um exercício aeróbico, a atividade potencializa a saúde cardiovascular. Além disso, queima calorias e ajuda a fortalecer os músculos. Os corredores também relatam uma longa lista de benefícios psicológicos adquiridos com o esporte.

Conversamos com duas mulheres que descobriram a corrida há pouco tempo e já viram transformações radicais na saúde, na autoestima e no bem-estar.

Antes de colocar o tênis, confira estas dicas de corrida para iniciantes:

Catiana Fernandes, 36 anos

corredora sentada com roupas de corrida
Crédito: arquivo pessoalCatiana começou correndo despretensiosamente e hoje já completa meia-maratona

A fotógrafa carioca Catiana Fernandes nunca se interessou por corrida até o dia que sua professora de jump faltou na academia e ela resolver ir para a rua correr. “Decidi mudar o ambiente e ficar ao ar livre. O bichinho da corrida me picou. Naquele dia corri 3 km e fiquei muito animada”.

A corrida apareceu quando ela estava com 20 kg a mais por conta de um longo tratamento para engravidar. “Sempre pesei entre 55 kg e 60 kg. O tratamento gerou muita ansiedade e desenvolvi compulsão alimentar. Tenho 1,65 de altura e cheguei a pesar 85 kg”, conta.

catiana em dois momentos: na primeira foro mais gordinha e agora mais magra
Crédito: arquivo pessoalAntes e depois da corrida

Atualmente, grávida do segundo filho, Catiana segue com a rotina de atividades físicas. Claro que o pique não é o mesmo e ajustes precisaram ser feitos, mas ela já tem planos para o futuro: completar um maratona. “Quando consegui fazer minha primeira meia maratona, não acreditei, eu me senti a pessoa mais poderosa do mundo, que era capaz de tudo e logo veio a vontade de completar uma maratona, que teve que ser adiada por uma gravidez surpresa”.

Bom diaaaaaaaaaaa, povo! 👏🏻👏🏻👏🏻💪🏼😉 Por aqui já caminhamos e demos uma corridinha mixuruca porque não consegui resistir hoje … – * – Seguimos com uma fome que dá vontade de comer as paredes , porém, contudo, todavia, precisamos controlar porque não queremos nenhuma doença gestacional! – * – A rotina de exercício está cada dia mais difícil de fazer ao ar livre então a gente se vira como pode em casa! Mas não desistimos nunca! – * – #catirunner #viciadosemcorrida #running #run #runner #runnerselfies #runnergirl #corremulherada #correecompartilhar #teamfellippa #coachfellippa #acordapracorrer #acordapravida #motivação #boracorrergalera #partiukm #runnerselfie #viciadosemcorridaderua #pracorredores #correpravida #sairparacorrer #BoraCorrerGalera #somosninjas

127 Likes, 14 Comments – Catiana Fernandes 🏃🏻‍♀️ (@catirunner) on Instagram: “Bom diaaaaaaaaaaa, povo! 👏🏻👏🏻👏🏻💪🏼😉 Por aqui já caminhamos e demos uma corridinha mixuruca porque…”

Confira as dicas de Catiana para quem quer começar a correr:

✔ Corra 1 min e caminhe 2 minutos e, aos poucos, vá alternando: corra 2 minutos e caminhe 1 minuto.

✔ Não corra todos os dias. Comece correndo 10 minutos 3 vezes na semana. À medida que você sentir que está bem, aumente para 15 minutos, 20 minutos até chegar a 30 minutos.

✔ Invista num bom tênis, depois vá pesquisando, pois marca é muito pessoal.

✔ Tenha objetivo, trace metas pequenas e reais, que você sabe que pode alcançar. Isso motiva e muito!

✔ Inscreva-se em corrida de rua, pois sentir a energia de quem faz a mesma coisa que você, te motiva mais ainda!

✔Nunca se compare com ninguém, pois s isso pode te desanimar- principalmente no início. O pouco já é muito para quem não corria nada!

Isadora Cajueiro,  39 anos

isadora com roupa de academia

Adepta da corrida há pouco mais de um ano, a enfermeira e coach de saúde Isadora Cajueiro viu resultados muito positivos na saúde. Seus exames de colesterol e glicemia melhoraram e muito depois que passou a correr três vezes na semana, incentivada pela personal trainer.

“Eu não corria nada, nunca corri 1 km, aí comecei a correr 3 km, fui bem devagar, fazendo planilha de corrida e aos poucos fui aumentando o passo e acabou se tornando um vício”, explica.

Isadora mora em Itacaré, na Bahia, ela começou a correr em 2016 para perder peso. Desde então, já foram 12 kg eliminados sem dieta, apenas com reeducação alimentar.

“Enquanto a mudança for apenas uma palavra solta, ela nunca proporcionará a efetiva transformação que esperam dela. Mudanças acontecem de dentro para fora e não o contrário” @osegredooficial

77 Likes, 3 Comments – Isadora Cajueiro🏃‍♀️ (@isacajueirocoach_saude) on Instagram: “”Enquanto a mudança for apenas uma palavra solta, ela nunca proporcionará a…”

Ela conta que a atividade faz muito bem para seu psicológico. “A sensação da corrida é muito positiva, eu vou meditando, pensando na vida”.

Confira as dicas de Isadora para começar a correr:

✔ Procurar um profissional de educação física. Isso é imprescindível porque ele vai fazer uma planilha, um planejamento de acordo com o objetivo da pessoa.

✔ Começar devagar e não se comparar com o desempenho de ninguém. Não importa correr 10 km ou 15 km, o que importa é iniciar o hábito da corrida. Se não aguenta correr 3 km, corre 1 km, trota, vai alternando entre caminhada e corrida.

✔ Alimentar-se cerca de 30 minutos ou 1 hora antes da corrida.

✔ Realizar todos os exames antes de começar a correr, desde o teste de esforço físico até uma investigação para ver se na família há algum histórico de doenças cardiovasculares.

✔Usar sempre protetor solar e roupas confortáveis

Vale dizer que essas não são dicas médicas. É recomendável realizar exames e procurar um médico antes de começar qualquer atividade física nova.