Saleiro inteligente calcula quantidade certa de sódio na comida

Agora está mais fácil saber quanto sal colocar naquele arroz ou no feijão. Estudiosos portugueses inventaram um item que pode ajudar na cozinha e na saúde

Por: Redação | Comunicar erro
Crédito: Reprodução/José CoelhoSaleiro inteligente calcula quantidade de sódio adequada na comida

A empresária Juliana Oliveira, 39, evita o consumo de sal. Já o desenhista projetista Sérgio Comparim, 41, simplesmente adora salgar a comida. Para ela, talvez o saleiro inteligente que vamos apresentar não faça tanta diferença, mas a invenção pode ajudar pessoas como Comparim. Olha só o que essa novidade é capaz de fazer.

O saleiro calcula, em segundos, a quantidade de sal recomendada pela OMS (Organização Mundial de Saúde) para preparar refeições em casa. A novidade foi concebida por estudiosos da Universidade do Porto, em Portugal, segundo informações da Agência Lusa.

O protótipo é uma caixa de plástico muito parecida com um saleiro de cozinha tradicional, mas, na verdade, o aparelho usa alta tecnologia e algoritmos para definir as dosagens corretas.

Ao apertar um botão, a quantidade de sal necessária é injetada em uma gaveta de 6 cm. Para isso, o usuário define o número de pessoas que comerão, podendo optar entre adultos e crianças.

Crédito: Reprodução/José CoelhoSaleiro inteligente calcula quantidade de sódio adequada na comida

Ervas

A OMS recomenda a ingestão de até cinco gramas de sal por dia. Para Oliveira, essa meta é bastante realista. “Gosto de sal, mas não consumo muito — ou melhor, quase nada”, conta.

Ela prefere usar ervas em substituição ao tempero. “As pessoas usam muito o sal. Elas acham que ele é que dá sabor à comida, mas tem tantos outros meios, não precisamos de sal…”, acredita a empresária, que cuida da saúde com boa alimentação e exercícios.

De acordo com ela, a invenção pode ajudar especialmente quem não sabe quanto sal usar na comida. Comparim concorda. “Acho que tudo que possa ajudar a conscientizar as pessoas sobre o consumo correto do sal […] é válido. No meu caso, sei que é um consumo errado, mas ainda não consegui diminuir”, admite o desenhista.

Crédito: Reprodução/José CoelhoSaleiro inteligente calcula quantidade de sódio adequada na comida

Ele usa sal de cozinha refinado para cozinhar, além de sal rosa moído na hora para saladas e sal grosso no churrasco. “Adoro sal. Consumo em todas as refeições e um pouco em exagero”, explica Comparim, que já teve problemas de saúde relacionados ao sódio.

Assim, resta esperar pela invenção, que pode chegar ao mercado em 2023. Agora, os pesquisadores acompanharão 260 famílias portuguesas durante dois meses, a fim de verificar a eficiência da novidade. Um dos objetivos é favorecer quem sofre de hipertensão.

Compartilhe: