Informar

Sinais incomuns de desidratação que você nem percebe

Dor de cabeça e até mau hálito podem ser sinais de falta d'água no corpo

Por: Redação
pessoa bebendo água na garrafa
Crédito: stevecoleimages/istockSede não é único sinal de desidratação

Nos meses mais frios do ano, é comum que a vontade de tomar água diminua, porém, mesmo durante o inverno, a recomendação é beber pelo menos 2 litros por dia. Isso porque nesse período circulam muitos vírus aéreos que podem ser um teste para o nosso sistema imunológico. Com a falta de água, as mucosas dos pulmões e as passagens sinusais secam e a resistência a infecções diminui.

A desidratação pode ser causada por diversos fatores, segundo a endocrinologista Elaine Ferraz. Ela cita perdas renais, que incluem os efeitos dos diuréticos e doenças renais específicas; perdas de líquido pela pele, como suor excessivo; queimaduras; sequestro de líquido para fora dos vasos por obstrução intestinal; fratura; pancreatite aguda e também o diabetes. “Nesse caso, quando os níveis de açúcar no sangue são elevados, o corpo aumenta a produção de urina para eliminar o açúcar do corpo”, explica Elaine Ferraz.

Casos mais grave de desidratação podem levar a várias complicações potencialmente fatais, mas mesmo a desidratação leve pode ter efeitos adversos no humor e na energia. É importante ficar atento aos sinais que nem sempre são óbvios. Confira alguns:

Cãibras Musculares

A desidratação é apenas uma causa potencial de cãibras musculares, mas vale a pena considerar se você tiver cãibras durante o exercício, especialmente durante dias mais quentes. Mas vale dizer que os riscos são os mesmos, independente do clima.

Dores de cabeça

Mesmo desidratação leve pode causar tonturas e dores de cabeça. Como boa parte do cérebro é formada pelo líquido, quando o corpo fica desidrato, a dor de cabeça aparece, muitas vezes, acompanhada de moleza e confusão mental.

Febre e calafrios

termômetro perto de uma criança
Crédito: Sasha_Suzi/istockFebre e calafrios também são sinais

Se o seu corpo estiver gravemente desidratado, poderá sentir febre e arrepios. A febre, por sua vez, pode contribuir para a perda de líquidos através da transpiração e agravar ainda mais ainda o quadro.

Mau hálito

A saliva tem propriedades antibacterianas, mas a desidratação pode impedir que seu corpo produza saliva suficiente. Isso acaba levando a um aumento de bactérias na boca, o que gera mau hálito.

Sensação de cansaço

A perda de líquido também pode causar sensação de fadiga e sonolência e redução do estado de alerta durante as atividades diárias normais.

Desejo por doces

Quando você está desidratado, pode ser difícil para órgãos como o fígado, que usa água, liberar glicogênio (glicose armazenada) e outros componentes de suas reservas de energia. Aí, o que acontece é que o corpo confunde a sensação de sede com fome. Então, vem o desejo por comida, especialmente por doces, quando na verdade o que o corpo precisa é de água.