Tirar soneca à tarde faz bem, dizem estudos da Suíça e da Grécia

Pesquisadores recomendam um cochilo no meio do dia, de uma a duas vezes por semana

Por: Redação
mulher dormindo
Crédito: @MIND_AND_I/istockTirar soneca à tarde faz bem, dizem pesquisadores

Sabe aquele desgaste que a gente sente durante o trabalho ou ao longo do dia? Talvez ele possa ser evitado com uma boa soneca à tarde.

Pelo menos, foi o que conclui um estudo publicado em agosto pela revista “Heart”. Segundo pesquisadores da Faculdade de Biologia e Medicina de Lausanne, um cochilo no meio do dia, de uma a duas vezes por semana, pode diminuir em até 50% o risco de doenças cardiovasculares como o infarto.

Os estudiosos acompanharam ao longo de cinco anos os hábitos de 3.462 pessoas sem histórico dessas doenças e descobriram que, quem manteve as sonecas nessa frequência teve “menor risco de eventos cardiovasculares incidentes”, de acordo com o estudo.

“Não foi encontrada associação entre a duração da soneca e os eventos cardiovasculares”, disse a publicação.

Outro estudo, desta vez conduzido por gregos, também atestou os benefícios do cochilo diurno. As pessoas que descansaram por 30 minutos tiveram 30% menos incidência de doença coronariana.

Sem exageros

Não se esqueça, porém, de que dormir demais também pode fazer mal à saúde. Um estudo divulgado em maio deste ano chamou a atenção sobre os perigos de dormir muito e relacionou a duração do sono à capacidade cognitiva e à demência.

Segundo a pesquisa com os suíços, quem dorme além da conta também apresentou um índice mais alto de apneia, que acontece quando a pessoa para de respirar durante o ronco.

Compartilhe: