Há 20 anos, homem leva mulher que ama em um carrinho de mão

Ação é considerada exemplar pelo movimento Sou Responsável, campanha sem partidos, candidatos ou ideologia apoiada pelo Catraca Livre e pelo Instituto SEB de Educação

Por: Redação | Comunicar erro

Há pelo menos 20 anos, um homem de 74 anos conhecido como Joãozinho leva sua mulher, Rosinha, de 56 anos, de um lado para o outro em um carrinho de mão. Eles moram em um asilo de São Gotardo, em Minas Gerais. Rosinha tem dificuldade de locomoção e ambos não têm dinheiro para uma cadeira de rodas.

Há pelo menos 20 anos, mineiro leva a mulher que ama em um carrinho de mão

Essa história faz parte da série para o movimento Sou Responsável, cuja meta é estimular o protagonismo dos brasileiros. Em pleno ano eleitoral, o Catraca Livre e o Instituto SEB de Educação decidiram apoiar essa campanha para ajudar o brasileiro a também ser parte das soluções, e não do problema.

“Ele é ciumento, ninguém pode mexer com ela”, contou a internauta Lorena Bernardes, que  compartilhou a história do casal no Facebook. As informações são do site Razões para Acreditar.

Há pelo menos 20 anos, homem de Minas Gerais leva a mulher que ama em um carrinho de mão

Bernardes diz que ele faz o esforço de carregá-la sem nenhuma reclamação. “Sem cara feia e com a maior paciência do mundo, todas as vezes que eles precisam sair de casa”, afirma a internauta. “Não consigo pensar uma forma mais concreta de enxergar o amor, aceitar a pessoa como ela é, estar ali pra todas as situações e querer ver a outra pessoa bem, apesar de todas as suas dificuldades e limitações”, escreveu ela na rede social.

Há pelo menos 20 anos, homem de Minas Gerais leva a mulher que ama em um carrinho de mão

Após muito tempo juntos, eles se casaram na capela do asilo. O tema da decoração da cerimônia não podia ser outro: o carrinho de mão.

Leia a reportagem completa no Razões para Acreditar

Compartilhe: