Especialista usa gato para descobrir redes wi-fi vulneráveis

Por: Redação Comunicar erro

Um pesquisador norte-americano de segurança na internet usou um inofensivo gatinho para descobrir quantos vizinhos, no subúrbio de Washington, usavam wi-fi que deixavam suas redes vulneráveis.

Gene Bransfield equipou Coco com uma coleira equipada com cartão wi-fi, módulo GPS, bateria e um chip. A engenhoca foi construída com menos de US$ 100 (cerca de R$ 228).

Em apenas três horas de passeio, Coco encontrou 23 redes de wi-fi. Os dados coletados pelo felino mostram que mais de um terço das conexões utilizavam o método de encriptação WEP, facilmente hackeável, ou não tinham nenhum nível de segurança.

Reprodução/Gene Bransfield
O gato e o colar usados po Bransfield para rastrear a segurança das redes wi-fi

Em entrevista à revista “Wired”, Bransfield conta que a intenção é mostrar como a maioria das pessoas utiliza métodos de segurança pouco elaborados para proteger suas redes.

“Gatos são mais divertidos que pessoas, mas podem ser úteis para conscientizar todo mundo sobre a segurança de suas redes”, disse ele à revista.

cat-hack-03-660x482
Equipamentos usados por Gene Bransfield para construir coleira que rastreou sinais de wi-fi

A técnica de rastreamento móvel utilizada por Bransfield é conhecida como “Wardriving”, pelo qual os hackers passeiam de carro com um laptop procurando por redes abertas ou inseguras.

Com informações do “Estado de S. Paulo

Compartilhe: