Faxineiro acha 7 kg de ouro em aeroporto e pode ficar com barras

Por: Redação |

Um faxineiro achou um tesouro em uma lixeira da Coreia do Sul no último dia 26: sete barras de ouro que, juntas, foram avaliadas em aproximadamente R$ 1 milhão.

Faxineiro acha 7 kg de ouro em aeroporto da Coreia do Sul e pode acabar ficando com as barras

De acordo com informações do jornal “The Korean Times” reproduzidas pela BBC Brasil, cada uma das barras tem peso de 1 kg. Elas estavam enroladas em jornais, no interior de uma lata de lixo do aeroporto internacional de Incheon –o maior do país oriental.

Barras estavam enroladas em jornais, no interior de uma lata de lixo do aeroporto internacional de Incheon (foto)

O proprietário das barras de ouro pode ter se desfeito delas por medo de ser preso. Essa é a suspeita da polícia local, mas não há, ao menos inicialmente, nenhuma evidência de que os itens valiosos estivessem relacionados a alguma ação criminosa.

O faxineiro que encontrou o ouro vai poder solicitar que fique com o achado caso as autoridades não consigam achar alguma relação entre as barras e um caso criminal, ou mesmo se o verdadeiro proprietário não aparecer. Isso porque, na Coreia do Sul, a máxima “achado não é roubado” está prevista na legislação.

A lei estabelece que quem encontra bens pode ficar com eles desde que o dono não se manifeste em até seis meses.

Ainda conforme a legislação sul-coreana dos artigos perdidos, mesmo que o dono real surja, o faxineiro poderá ficar com uma parcela do valor –no caso desse faxineiro, de 5% a 20% do montante.

Leia a reportagem completa na BBC Brasil

Compartilhe: