Impressora 3D promete ajudar indústria bélica e aeroespacial

Por: Redação |

Pesquisadores do Instituto de Ciência e Tecnologia Chung-shan, de Tawain, com o apoio dos ministérios de Economia e Defesa do país, desenvolveram uma impressora 3D capaz de imprimir metálicos e que pode fazer réplicas de equipamentos bélicos.

De acordo com os responsáveis pelo produto, a tecnologia servirá para produzir componente para as indústrias bélicas e aeroespacial com menor custo e maior qualidade.

Divulgação
A tecnologia servirá para produzir componente bélicos e aeroespacial com menor custo e maior qualidade

A impressora em 3D é capaz de produzir peças de até 250 milímetros por 250 milímetros de base, o que permite a fabricação de novos componentes e também de peças separadas para os submarinos e outros equipamentos.

Os pesquisadores deram um prazo de seis meses para lançar o dispositivo no mercado.

Compartilhe: