Jovens de baixa renda aprendem a instalar placas de energia solar

Por: Redação Comunicar erro

Um projeto em Brasília vai capacitar 150 jovens a instalar e oferecer manutenção em placas fotovoltaicas –aquelas usadas para gerar energia solar. O objetivo é gerar mão de obra qualificada para atender a demanda do setor de energia renovável no Distrito Federal.

O programa Brasília Solar, uma parceria da Secretaria do Meio Ambiente do Distrito Federal e o Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial), começou na última segunda-feira com alunos inscritos no CadÚnico (Cadastros para Programas Sociais do Governo Federal).

O curso é uma oportunidade de ajudar o planeta e de ser inserido no mercado de trabalho
O curso é uma oportunidade de ajudar o planeta e de ser inserido no mercado de trabalho

A estrutura do curso prevê 364 hora-aula que contemplam habilidades como comunicação e expressão no trabalho, matemática, noções de legislação trabalhista, direitos humanos e de meio ambiente, higiene e segurança no trabalho, inclusão digital, habilidades específicas, gestão e gerenciamentos de negócios e benefícios do MEI (Microempreendedor Individual).

Fábrica Social

O projeto faz parte do programa Fábrica Social, que oferece cursos têxtil e confecção de material esportivo; instalação e manutenção de painéis solares; produção e cultivo de alimentos saudáveis em meio urbano; marcenaria com madeiras recicláveis e construção civil.

A inscrição é feita por meio do telefone 156. Podem se inscrever para os cursos de capacitação moradores de Brasília inscritos no Cadastro Único para programas sociais do governo federal.

É preciso ter no mínimo 16 anos de idade e renda familiar per capita de até R$ 154, além de nunca ter participado dos cursos oferecidos. Quando aberto, o processo seletivo destina 5% das vagas para pessoas com deficiência, 5% para idosos e 5% para adolescentes em conflito com a lei.

Com informações da Agência Brasil

Compartilhe: