Revista propõe novo olhar sobre latinos

Por: Redação Comunicar erro

Por Lidi Ferreira, da ProjectHub

Às vezes precisamos de um certo distanciamento de nossa própria vida para entender o que está acontecendo com ela. Foi o que ocorreu com a jornalista Ana Magalhães. Durantes férias na Espanha, em 2011, ela se deu conta de que o trabalho em redação de grandes jornais já não lhe satisfazia. Era chegada a hora de atuar em algo próprio. 

Das conversas com os colegas Guilherme Soares Dias e Júlio Simões, nascia a Calle2, uma revista para contar boas histórias sobre a América Latina. A partir de então, a ideia passou para o papel. Em 2013, foi aprovada pela Lei Rouanet, e em 2014, o piloto da revista foi finalista do Prêmio Brasil Criativo*, realizado pela ProjectHub, na categoria Mídia Impressa.

“Com o reconhecimento de ser finalista do Prêmio e com a boa votação que tivemos na internet, ganhamos força e confiança para seguir adiante’’, diz Ana. Mas, após este primeiro passo, como seguir em frente, já que os patrocínios não apareceram? Novamente, a distância se fez presente e lhe trouxe a resposta. Em viagem ao México, em 2015, Ana tomou sua decisão. “Encorajada pelo Prêmio decidi que iria investir uma parte do dinheiro que eu tinha para criar o projeto – e que ele seria virtual’’.

Hoje, a revista online que leva o nome da última rua mexicana antes da divisa com os Estados Unidos, no ponto mais ao norte da América Latina, quer ser justamente um ponto de encontro. Calle2 quer ser porta-voz de um continente até então pouco conhecido por nós. Desde a entrevista com Pepe Mujica, ex-presidente do Uruguai, à história de um colombiano que abriu, no Brasil, a startup Nubank, que oferece cartão de crédito com juros bem menores, Calle2 quer nos unir através de boas notícias e grandes histórias.


Com jornalismo independe, com um pé na literatura, sua principal proposta agora é gerar renda a partir de projetos de financiamento de pautas, financiamento coletivo, parcerias, editais culturais, além de promoção de eventos que discutam a cultura e a identidade latina. “Queremos apresentar e sermos representantes dessa maior integração latino-americana. Acreditamos muito na força do continente.”, afirma Ana.

Conheça um pouco mais sobre a Calle2 neste vídeo do programa Metrópolis, da TV Cultura:

*Prêmio Brasil Criativo

Os projetos inscritos precisam oferecer soluções para o desenvolvimento da Economia Criativa no país. Eles podem ser enquadrados em diversas categorias, como moda, música, design, patrimônio, artesanato e muitas outras, e são avaliados por um time de especialistas.  Os vencedores recebem prêmio em dinheiro e 40 horas de capacitação em sua área, com objetivo de aprimorar e fortalecer o seu empreendimento, além do reconhecimento do Ministério da Cultura pela consistência do projeto. As datas para a edição 2016 do prêmio ainda não foram definidas.

Compartilhe: