Startup cria relógio inteligente com tela em Braille

Por: Redação Comunicar erro

Em formato retangular, emborrachado e compacto, em vez de uma tela touch, ele possui um display com quatro módulos de “células”, cada uma com seis pontos ativos, que podem subir ou descer, formando quatro caracteres em Braille por vez.

Ao tatear a tela, o usuário pode ler SMS, textos de aplicativos e até mesmo e-books adaptados para o Braille. Essas são as características do Dot, smartwatch que chega com a meta de inserir a população cega na era dos relógios inteligentes.

O dispositivo é baseado na tecnologia haptic, que fornece feedback ou informações em tempo real pelo toque. Ao ligar para qualquer dispositivo Bluetooth, o Dot pode puxar texto de aplicativos como iMessage, usando comandos de voz.

Segundo o fabricante, a Dot Incorporation, o smartwatch, que tem autonomia de até cinco dias sem precisar de recarga, será lançado nos EUA e Canadá a U$ 300, preço significativamente mais acessível do que os US$ 2.000 dos e-readers.

Com o smartwatch, a startup busca oferecer uma ferramenta de educação e comunicação de baixo custo a um grupo estimado em 39 milhões de pessoas pela OMS. “O Dot pode ser a tábua de salvação para que eles possam aprender Braille e ter acesso à informação todos os dias através de seus dedos”, afirmou o CEO, Eric Kim Yoon, ao blog “Techinasia”.

Além do Dot, a startup trabalha em um projeto de acessibilidade em caixas eletrônicos, com módulo de Braille acoplado, que deve ser estendido aos eletrodomésticos e ao transporte público.

Por QSocial

Compartilhe: