cidadaoO Prêmio Cidadão Sustentável chega em sua segunda edição e vai continuar premiando o cidadão que ajuda a transformar São Paulo em uma cidade mais justa, democrática, saudável e solidária.  Nesta segunda fase, com três candidatos escolhidos via júri popular,você escolhe o finalista de cada categoria. Pode ser feito um voto a cada 24 horas, para cada categoria.

O projeto é feito em parceria entre o Catraca Livre, a Rede Nossa São Paulo e a Rádio CBN e premia quem é referência em boas ações para/com a cidade.

Vale lembrar que a entrega do prêmio aos vencedores de cada categoria e a divulgação do vencedor - via júri específico - serão feitas na Sala São Paulo, dia 25 de janeiro de 2014, dia do aniversário da cidade.

Etapas

1. Dia 25 de novembro: divulgação dos 3  mais votados em cada categoria.

2. De 26 de novembro a 12 de dezembro: votação para eleger o vencedor de cada categoria.

3. Dia 16 de dezembro: divulgação do vencedor de cada categoria.

4. De 17 de dezembro a 20 de janeiro: votação para eleger o vencedor único – de todas as categorias.

5. Dia 25 de janeiro  de 2014: divulgação do eleito - via júr específico - e entrega da premiação, na Sala São Paulo. A divulgação do júri popular também será divulgada nesta data. A votação segue ainda durante o evento.

7. Nomes dos jurados serão divulgados em breve. Aguarde.

Haverá ganhadores nas categorias seguintes: Cultura, Educação, Intervenções Urbanas, Inclusão Social, Meio Ambiente, Comunicação, Saúde, Tecnologia e Democracia Participativa;

Se for preciso, a data da premiação será alterada. Neste caso, avisaremos pelo site com, ao menos, 30 dias de antecedência.

inclusao_socila

1.Frei Davi: idealizador e coordenador geral do projeto Educafro , cuja missão de promover a inclusão da população nas universidades

2. Helena Lunardelli: representante do projeto Flor Gentil, cuja ideia é coletar flores em bom estado usadas em festas para serem redistribuídos aos idosos.

3. Rodrigo Mendes: desenvolve projetos para incluir pessoas com mobilidade reduzida.

 



tecnologia

1. Claudio Sassaki e Eduardo Bontempo: criadores da Geekie, plataforma que personaliza o ensino. 2. Guilherme Santa  Rosa: undador da Fábrica de Aplicativos, plataforma para criar e compartilhar aplicativos para celular de forma rápida, fácil e gratuita. 3. Gustavo Maia: sócio-fundador do Colab, rede social para a cidadania que faz a ponte entre o cidadão brasileiro e o poder público Colab

 



comunicacao

1. Coletivo Blog Mural: blog Mural é produzido por algumas dezenas de correspondentes comunitários –em sua maioria estudantes ou já formados em jornalismo  interessados em contar o que se passa na região em que moram, na periferia de SP. 2. Leão Serva: jornalista, autor do livro “Como Viver em São Paulo sem Carro”. Desenvolve também o projeto “Malditos Fios”, que denuncia os problemas gerados pelos fios aéreos em SP. 3. Leonardo Sakamoto:  o é jornalista e doutor em Ciência Política. Cobriu conflitos armados e o desrespeito aos direitos humanos em Timor Leste, Angola e no Paquistão. Coordenador da ONG Repórter Brasil.


meio_ambiente

1. Alexandre Lafer Frankel: CEO Vitacon, anda de Bike pela cidade e é um defensor da qualidade de vida 2. Lincoln Paiva: sua empresa social (Green Mobility) tem inventado formas do mellhor uso da bicicleta em São Paulo, como a Bicicloteca.3. Paulo Hilário Nascimento Saldiva: professor de Medicina da USP e pesquisador do Departamento de Saúde Ambiental da Universidade Harvard



Educacao

1. Braz Nogueira: diretor da Escola Municipal de Ensino Fundamental Campos Salles, referência internacional na integração escola-comunidade e no ensino de direitos humanos.

2. Rachel de Oliveira Braun:  diretora da Escola da Comunidade, projeto do Colégio Visconde de Porto Seguro que desenvolve atividades educacionais, sociais e culturais voltadas para grupos de baixa renda.

3. Dagmar Garroux “Tia Dag: presidente da Casa do Zezinho, espaço que proporciona oportunidades de desenvolvimento a crianças e jovens em situação vulnerável


intervencoes_urbanas

1. Eduardo Srur: artista visual paulistano conhecido por suas intervenções urbanas que aproximam a arte contemporânea do cotidiano das pessoas

2. Gustavo Muniz do Carmo: criador do Post Fumaça Preta, aplicativo desenvolvido para identificar veículos a diesel que soltam fumaça preta.

3.  Thiago Mundano: Grafiteiro, ativista e idealizador do Pimp my Carroça – movimento que busca tirar os catadores da invisibilidade.

 


saude

1. Drauzio Varella: é um médico formado pela Universidade de São Paulo,  é conhecido por popularizar a medicina em seu país, através de programas de rádio e TV.

2. João Paulo Nogueira Ribeiro: Idealizador e Fundador do Programa Horas da vida, que atende gratuitamente pessoas carentes de Instituições Sociais através de horas e exames doados por médicos e profissionais da Saúde.

3.  Wellington Nogueira:  introduziu no Brasil a iniciativa de palhaços a serviço da saúde nos hospitais.

 



>

Cultura

1. Maestro João Carlos: um dos maestros mais conceituados do Brasil, tem um projeto social (Bachianas), cuja ideia é formar orquestras com jovens de baixa renda.

2. Laís Bodanzky e Luiz Bolognesi : criadores do projeto Cine Tela Brasil – programa de divulga o cinema de maneira itinerante.

3. Coletivo Samba da Vela: artistas que estimulam o resgate do samba em São Paulo.

 



democracia_participativa

1 . Luciana Guimarães: integrante do Sou da Paz – cujo  trabalho é voltado para influenciar a atuação do poder público e de toda a sociedade frente à violência.
2. Coletivo Movimento Passe Livre:  grupo de pessoas comuns que se juntam para discutir e lutar por outro projeto de transporte para a cidade.
3. Coletivo Transparência Brasil: organização autônoma e independente dedicada a combater a corrupção.