Australiano já salvou dois milhões de bebés doando sangue

Por: Redação

Desde os 18 anos, o australiano James Harrison, hoje com 78, doa sangue e já salvou a vida de dois milhões de recém-nascidos. Toda semana, durante seis décadas, os médicos usam seus anticorpos raros para produzir a vacina Anti-D, usada para tratar grávidas que sofrem da doença de Rhesus ou eritroblastose fetal, causada pela incompatibilidade do fator Rh no sangue da mãe e do bebê.

Foto: Reprodução/CNN

Harrison doou sangue mais de mil vezes ao longo da vida. Os especialistas acreditam que ele desenvolveu os anticorpos após fazer uma operação torácica aos 14 anos, quando seu pulmão foi removido. Quando o australiano soube que sua vida foi salva por pessoas que doaram sangue, ele quis repetir o gesto inspirador.

O idoso é o único doador desses anticorpos, salvando milhões de bebês na Austrália e também em outros países do mundo. No entanto, ele tem apenas três anos mais de contribuição para a medicina, pois o limite de idade para doação é de 81 no país.

Via UOL

Compartilhe: