Brasileira se destaca em conferência de países de língua portuguesa

E o que mais chamou a atenção foi o fato de Wanessa ser a única universitária a apresentar sua pesquisa entre vários doutorandos

Por: Redação

A carioca Wanessa Andrade, 23 anos, estudante de física da UFRRJ (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, vem realizando feitos incríveis na vida acadêmica.

Em maio desse ano, a estudante teve sua pesquisa acadêmica sobre educação aceita na 3ª conferência de Física de Países de Língua Portuguesa e representou o Brasil em São Tomé e Príncipe.

Crédito: DivulgaçãoWanessa Andrade, 23 anos, foi destaque na 3ª conferência de Física de Países de Língua Portuguesa, realizada em São Tomé e Príncipe

A participação da estudante, que trabalha como jovem aprendiz na plataforma Hurb –Hotel Urbano–, foi através da oportunidade que a conferência oferece, anualmente, de receber trabalhos acadêmicos de graduandos.

E o que mais chamou a atenção foi o fato de Wanessa ser a única universitária a apresentar sua pesquisa entre vários doutorandos. Com um tema um tanto complexo a jovem apresentou uma pesquisa sobre “Aquisição Quantitativa e Qualitativa de Parâmetros Ópticos em Guias de Onda”, que auxilia o ensino dos conceitos de óptica para os alunos de licenciatura da rural.

A ideia surgiu em função da escassez de matérias para a realização de experimentos doa alunos na universidade.

Mas quem pensa que isso impediu a estudante de brilhar engana-se. Com maestria e autoconfiança, Wanessa arrancou aplausos e olhares de admiração de muitos doutores com currículo de causar inveja em muita gente.

Compartilhe: