CORONAVÍRUS
Tudo o que você precisa saberÚltimas notícias e tudo que você precisa saber

Estudantes criam jogo de terror para deficientes visuais

Por: Redação

Por Lidiane Ferreira, da ProjectHub

Um grupo de estudantes gaúchos da Pontifícia Universidade Católica e da Universidade Federal do Rio Grande do Sul criaram o primeiro aplicativo de jogo de terror acessível para deficientes visuais do Brasil. O game surgiu durante a participação dos alunos no BEPiD, programa que é uma parceria entre a Faculdade de Informática da PUC em colaboração com a Apple.

Chamado Madness’s Daze, o app é baseado em um conto de Howard Phillips Lovecraft, escritor norte-americano do gênero de terror. O desafio da história é fazer com que a personagem principal, Jeniffer Dudley, fuja de um hospital psiquiátrico.

Segundo Camila Bressan, que faz parte do grupo que desenvolveu o projeto, o objetivo de toda a equipe era criar algo que envolvesse acessibilidade para cegos. Para isso é utilizado o VoiceOver, uma tecnologia que oferece descrição de tudo o que está acontecendo na tela com a voz de uma pessoa, e não de um robô. Cada vez que o jogador chega a um lugar, a voz avisa o que tem ao redor.

Madness’s Daze está disponível, por enquanto, apenas para o sistema iOS e tvOS, para a Apple TV.

Via PUC-RS

Compartilhe: