Garoto vende brinquedos para pagar tratamento de seu cachorro

Por: Redação

O pequeno Connor Jayne, que tem 10 anos e mora em Fairport, no Estado de Nova York, sempre teve em seu cachorro, o doberman Copper, o apoio que precisava para superar problemas de sociabilidade e de saúde. Agora, é ele que está apoiando o cão em um desafio.

Em Nova York, garoto vende brinquedos em bazar para pagar o tratamento de seu cachorro

De acordo com informações da WROC-TV reproduzidas pelo site Universa, Jayne foi diagnosticado com ansiedade, transtorno de atenção e convulsões. Além disso, ele enfrenta bullying e dificuldade para fazer amizades.

O companheiro Copper o ajuda em todas as crises, conforme relatou a mãe do garoto, Jennifer. Segundo ela, o cachorro pressente o problema e pressiona seu corpo contra o do menino, acalmando-o e reduzindo os danos.

Mas, recentemente, o mascote foi diagnosticado com síndrome de Wobbler –doença que afeta sua coluna vertebral e o impede de andar. Portanto, agora Copper é que precisa de ajuda, e seu dono resolveu surpreender –e emocionou– a todos com a solução que encontrou.

Para custear o tratamento, caro demais para a família, uma campanha de financiamento coletivo foi criada, mas Jayne acelerou o processo organizando um bazar no quintal de sua casa e vendendo boa parte de seus brinquedos.

Ele conseguiu arrecadar US$ 2.500 (cerca de R$ 9.000) em um só dia, valor suficiente para cobrir os exames que Copper realizou nos últimos quatro anos, a fisioterapia e uma parcela do tratamento.

Leia a reportagem completa no Universa

Compartilhe: