Quem Inova
Quem Inova
Quem Inova
Quem Inova

Quem Inova

Grupo de mulheres se unem para propagar o veganismo

Por: Redação

Uma boa conversa entre amigas pode se tornar também um meio de se fazer ativismo em prol de um forte princípio ético. É o que prova a ativista Kimani Dálete uma das organizadoras do Grupo de Mulheres Veganas, criado em São Paulo para difundir e fortalecer o conceito e a prática do veganismo, uma forma de viver que busca excluir todas as formas de exploração e de crueldade com animais.

“Nos juntamos no início do ano para falar de assuntos relacionados a essa escolha de vida, entre outros. Depois nos tornamos um grupo no Whatsapp em que vários assuntos também eram tratados. Como todas já trabalhavam de alguma forma com ativismo e conheciam muitas pessoas interessadas nesses mesmos temas, surgiu o perfil no Instagram e mais recentemente no Facebook”, conta Dálete.

Ao todo participam 21 mulheres que se uniram para realizar o primeiro Vegan Action, no dia 16 de novembro, no restaurante Ann Prem, em São Paulo. O evento reunirá nutricionistas e culinaristas especializados em comida vegana com apelo saudável e doará a renda obtida para três ONGS de proteção animal (Inataa, Patinhas de Rua e Toca dos Arteiros).

A programação conta com palestras, oficinas de culinária saudável, além de estandes com doces e produtos diversos à venda. “Entre os convidados, estão a nutricionista Dra. Paula Gandin e o médico nutrólogo Dr. Eric Slywitch, ambos muito conhecidos no meio vegano”, conta Dálete.

Para participar é necessário se inscrever antecipadamente. O valor da inscrição é de R$ 200 e o número de vagas é limitado para 50 pessoas. Mais informações por meio do e-mail mulheresveganas@gmail.com

Compartilhe:

Tags: #Vegano