“Modelo de Observação”, em cartaz no Instituto Cervantes

Com curadoria de Jacopo Crivelli Visconti, exposição fica em cartaz até 30 de junho

Por: Redação

Nascido em Caracas, na Venezuela, em 1967, o artista plásticos Ricardo Alcaide atualmente reside e trabalha em São Paulo, desenvolvendo uma série de obras em que vale-se do Movimento Moderno Latino-Americano para denunciar a exclusão social.

Sua crítica traça um paralelo aos conceitos do modernismo nas artes visuais que dialogam com a arquitetura: os espaços vazios onde brotam os projetos modernistas remetem à solidão de habitantes que vivem em metrópoles repletas de gente.

O Instituto Cervantes traz a obra do artista e promove a exposição “Modelo de Observação”, com curadoria de Jacopo Crivelli Visconti, de 2 de junho de 2012 até 30 de junho de 2012. A inauguração será no dia 31 de maio, às 19h30, com a presença do artista. A entrada é Catraca Livre.

Confira algumas obras que estarão presentes na mostra:

1
07:11
5 filmes gratuitos para expandir a consciência
Hoje iremos indicar filmes que vão te ajudar a expandir a consciência, ou seja, vão ampliar suas percepções sobre si …
2
14:48
Os principais momentos do debate sobre ‘violência obstétrica’
O Ministério da Saúde aboliu o uso do termo “violência obstétrica” alegando que tal afirmação é inadequada por que “tanto …
3
04:36
Vamos falar sobre Educação sexual?
É importante falar sobre métodos de prevenção antes de iniciar a vida sexual? A Dra. Marianne Pinotti, ginecologista e obstetra, fala …
4
03:14
Datafolha: brasileiros não lembram de medidas positivas de Bolsonaro
Um levantamento realizado pelo Datafolha e divulgado pela Folha de S. Paulo mostra que 4 em cada 10 brasileiros não …
5
06:11
As melhores dicas sobre corrimento feminino
Quais os sintomas da Candidíase? Como tratar e saber diferenciar de outros tipos de corrimentos? A Dra. Marianne Pinotti, ginecologista e …
6
01:38
A importância da vacina do HPV
Por que tomar a vacina contra o HPV é tão importante? O Dr. Gonzalo Vecina, médico e fundador da ANVISA, fala …