ABCena: Memória e Invenção no Teatro do ABC Paulista

Por: Redação Comunicar erro
divulgaçãoTeatro de Alumínio em Santo André na década de 50
Crédito: Forma de Aquisição: DoaçãoTeatro de Alumínio em Santo André na década de 50

Acontece durante todo o mês de junho o “ABCena: Memória e Invenção no Teatro do ABC Paulista”, nas regiões de Santo André e São Caetano.

O projeto promovido pela rede Sesc, conta com oficinas, apresentações de espetáculos, bate-papos e leituras dramáticas num projeto que contempla tanto a produção contemporânea, como o resgate de sua memória nas últimas quatro décadas.

Em meio a toda sua história, a região do ABC abriga uma vasta teia de produção cultural, incentivo e formação para as artes.

Confira a programação completa por dias:

12

Sesc Santo André
R. Tamarutaca, 302, Vila Guiomar – Santo André. Telefone: (11) 4469-1200.

20h

Espetáculo

Rainhas*

Convidado para abrir o projeto, o espetáculo tem direção de Cibele Forjaz e participação de Georgette Fadel que fazem parte da cena teatral brasileira, além de serem mestras da Escola Livre de Teatro de Santo André.

A disputa travada entre Elizabeth I da Inglaterra e sua parente, rainha da Escócia, é o ponto de partida para a discussão de questões universais e contemporâneas.

O canto e a dança são elementos que completam a montagem, além da trilha sonora executada ao vivo por um pianista e da interação com o público.

15

Sesc Santo André
R. Tamarutaca, 302, Vila Guiomar – Santo André. Telefone: (11) 4469-1200.

19h30

Performance

À Beira do Palco

Com a concepção de Hilda Breda, o Grupo Regina Pacis, sediado em São Bernardo do Campo, aborda a magia que existe ao se subir num palco, e as dificuldades enfrentadas pelos artistas antes do momento supremo: o aplauso ao final.

A performance lança mão de diversos trechos de textos teatrais e literários.

___________________

20h

Bate-papo

Teatro no ABC: Uma História

Seram apresentados recortes de pesquisas da história da produção teatrla no ABC.

Com a mediação de Roberto Barbosa, esta mesa reunirá o jornalista e pesquisador José Armando Pereira da Silva e a jornalista e mestranda em Comunicação da Universidade Municipal de São Caetano do Sul, Paula Venâncio.

16

Sesc Santo André
R. Tamarutaca, 302, Vila Guiomar – Santo André. Telefone: (11) 4469-1200.

20h

Leitura Dramática

Amada, Mais Conhecida Como Mulher e Também Chamada de Maria

A leitura será feita pela atriz Rosi Campos e por estudantes da Escola Livre de Teatro e da Fundação das Artes de São Caetano do Sul.

Na sequência, bate-papo com o elenco e o autor Evil Rebouças.

17

Sesc Santo André
R. Tamarutaca, 302, Vila Guiomar – Santo André. Telefone: (11) 4469-1200.

15h

Oficina

Encontros: O Trabalho do Ator

A partir do olhar da atriz Renata Moré, o objetivo é aproximar os participantes do entendimento que a Cia. do Nó tem sobre o método de ação física de Stanislawski.

Passando pela pré-expressividade, pelos métodos de dilatação do corpo e pelos estilos do teatro: a farsa e o melodrama.

_________________________

20h

Bate-papo

Estéticas e Encenações

Esta mesa reune Ednaldo Freire, diretor da Fraternal Companhia de Artes e Malas-Artes e Antônio Rogério Toscano, diretor, dramaturgo e mestre da Escola Livre de Teatro de Santo André, com a mediação de Georgette Fadel, atriz e diretora.

O objetivo é expor as referências artísticas e a pesquisa de cada participante e o modo como se relacionam com o teatro contemporâneo.

18

Sesc São Caetano
R. Piauí, 554, Santa Paula – São Caetano. Telefone: (11) 4223-8800.

15h

Oficina

A Musicalidade do Ator

Canto, percussão e instrumentos diversos são algumas das linguagens exploradas por Cris Gouveia, mestre da Escola Livre de Teatro e participante da criação de espetáculos como Nekropolis.

_________________________

Sesc Santo André
R. Tamarutaca, 302, Vila Guiomar – Santo André. Telefone: (11) 4469-1200.

21h

Espetáculo

Nekropolis*

Trata-se da “Estirpe”, uma fictícia célula terrorista brasileira atuante nos nossos dias, formada por um grupo de excluídos vivendo à margem e que se dedicam a desenterrar cadáveres e expor em locais públicos, trazendo à tona os crimes impunes cometidos por um Estado negligente e por uma sociedade permissiva.

Na peça, os integrantes da Estirpe estão sendo julgados em um Tribunal onde o público assume o papel de Júri, sendo colocado a refletir a respeito das contradições políticas e sociais do nosso tempo, através do embate entre Promotoria e Defensoria.

19

Sesc Santo André
R. Tamarutaca, 302, Vila Guiomar – Santo André. Telefone: (11) 4469-1200.

15h

Oficina

Direção e Processos Criativos

O objetivo é buscar e desafiar o ator na sua capacidade de sensibilizar-se e assumir um discurso dialético de pontos cotidianos.

A vivência proposta por Kleber Di Lázzare busca compartilhar as experiências acumuladas nesses processos.

20

Sesc Santo André
R. Tamarutaca, 302, Vila Guiomar – Santo André. Telefone: (11) 4469-1200.

15h

Oficina

Direção e Processos Criativos

O objetivo é buscar e desafiar o ator na sua capacidade de sensibilizar-se e assumir um discurso dialético de pontos cotidianos.

A vivência proposta por Kleber Di Lázzare busca compartilhar as experiências acumuladas nesses processos.

_________________________

20h

Espetáculo

Meu Tio o Iauaretê*

Com Ademir Antunes, Edson Cardoso e José Faustino, produção da Cia. dos Jovens Atores de Diadema o espetáculo é baseado no conto de Guimarães Rosa.

Macuncoso é um caçador de onças enviado por fazendeiros para os confins do sertão com a incumbência de “desonçar” a região. Com o tempo, a personagem inicia um processo de rejeição à civilização e identificação com os felinos.

22

Sesc São Caetano
R. Piauí, 554, Santa Paula – São Caetano. Telefone: (11) 4223-8800.

20h

Bate-papo

A discussão gira em torno de questões de formação de público, políticas públicas e de viabilidade econômica para o teatro no ABC e na Grande São Paulo.

Com Antônio Petrin e Chico Cabrera, diretor da Cia. Pic Nic de Teatro e ex-presidente da Cooperativa Paulista de Teatro. A mediação será de Teca Magalhães, técnica do Sesc SP.

23

Sesc Santo André
R. Tamarutaca, 302, Vila Guiomar – Santo André. Telefone: (11) 4469-1200.

20h

Leitura Dramática

Pesadelo

O texto escrito nos anos 80 e de criação coletiva, tem a orientação de Tin Urbinatti, professor, ator, diretor e dramaturgo.

A leitura será conduzida pelo ator Antonio Petrin, estudantes da Escola Livre de Teatro e da Fundação das Artes de São Caetano do Sul.

24

Sesc Santo André
R. Tamarutaca, 302, Vila Guiomar – Santo André. Telefone: (11) 4469-1200.

15h

Oficina

Encontros: O Trabalho do Ator

A partir do olhar da atriz Renata Moré, o objetivo é aproximar os participantes do entendimento que a Cia. do Nó tem sobre o método de ação física de Stanislawski.

Passando pela pré-expressividade, pelos métodos de dilatação do corpo e pelos estilos do teatro: a farsa e o melodrama.

_________________________

20h

Bate-papo

Formação para o Teatro na Cena Regional

Com a participação de a participação de Liana Crocco diretora da Fundação das Artes e Juliana Monteiro, atriz e coordenadora pedagógica da ELT, esta mesa visa ser um momento de compartilhamento de experiências e propostas entre as duas mais importantes escolas de formação para o teatro da região.

São elas a Fundação das Artes de São Caetano do Sul, fundada em 1968 e idealizada pelo ator Milton Andrade e a Escola Livre de Teatro de Santo André, fundada em 1990.

25

Sesc São Caetano
R. Piauí, 554, Santa Paula – São Caetano. Telefone: (11) 4223-8800.

15h

Oficina

A Musicalidade do Ator

Canto, percussão e instrumentos diversos são algumas das linguagens exploradas por Cris Gouveia, mestre da Escola Livre de Teatro e participante da criação de espetáculos como Nekropolis.

________________________

Sesc Santo André
R. Tamarutaca, 302, Vila Guiomar – Santo André. Telefone: (11) 4469-1200.

21h

Espetáculo

P.O.R.A.O – Parte Orgânica Referente Ao Ontem*

Com direção de Celso Correia Lopes, o espetáculo da Cia. do Porão de São Caetano do Sul propõe um mergulho na dualidade dos sentidos, tendo a morte como ponto de referência.

Serão abordadas questões humanas apresentadas por meio de suas personagens, as angústias, frustrações, medos e outros sentimentos presentes no ser humano.

26

Sesc Santo André
R. Tamarutaca, 302, Vila Guiomar – Santo André. Telefone: (11) 4469-1200.

15h

Palestra

Caminhos da Dramaturgia Contemporânea

Luiz Alberto de Abreu, dramaturgo da cena brasileira e morador de Ribeirão Pires, apresenta sua visão sobre as tendências da dramaturgia contemporânea e propõe em meio a suas palavras, um diálogo com a sua obra.

__________________________

20h

Espetáculo

A Dobra*

O espetáulo conta a história de William, um empresário bem sucedido, porém, insatisfeito com o posto que ocupa na renomada empresa Dumble Meyére. Por ser metódico ao extremo, ao perder um pé de meia, fica paralisado.

Inexplicavelmente há uma “dobra” no tempo entre os anos de 1985 e 2005, que faz William se encontrar consigo mesmo vinte anos mais jovem.

27

Sesc Santo André
R. Tamarutaca, 302, Vila Guiomar – Santo André. Telefone: (11) 4469-1200.

14h

Oficina

O Teatro do Oprimido

O encontro conduzido por Armindo Rodrigues Pinto e Jane Vieira, pretende dar uma amostra da sistematização que o Grupo Revolução Teatral vem construindo.

O grupo, formado por jovens de comunidades andreenses, e que é tido como referência internacional na utilização das técnicas de Boal, desenvolve há quatro anos esta experiência que já circulou por vários estados e países, além de ser desenvolvida com jovens participantes do Projeto SE LIGA!

_________________________

20h

Espetáculo

Depois de Tudo*

Tin Urbinatti propõe uma adaptação a partir de poemas de Wladimir Maiakoviski, Vinicius de Moraes, Thiago de Melo, Castro Alves, entre outros.

A encenação enfoca duas atividades humanas ao longo dos tempos, aparentemente opostas: o trabalho manual e o trabalho intelectual – de um lado o operário, de outro, o poeta.

1 / 6
1
07:11
5 filmes gratuitos para expandir a consciência
Hoje iremos indicar filmes que vão te ajudar a expandir a consciência, ou seja, vão ampliar suas percepções sobre si …
2
14:48
Os principais momentos do debate sobre ‘violência obstétrica’
O Ministério da Saúde aboliu o uso do termo “violência obstétrica” alegando que tal afirmação é inadequada por que “tanto …
3
04:36
Vamos falar sobre Educação sexual?
É importante falar sobre métodos de prevenção antes de iniciar a vida sexual? A Dra. Marianne Pinotti, ginecologista e obstetra, fala …
4
03:14
Datafolha: brasileiros não lembram de medidas positivas de Bolsonaro
Um levantamento realizado pelo Datafolha e divulgado pela Folha de S. Paulo mostra que 4 em cada 10 brasileiros não …
5
06:11
As melhores dicas sobre corrimento feminino
Quais os sintomas da Candidíase? Como tratar e saber diferenciar de outros tipos de corrimentos? A Dra. Marianne Pinotti, ginecologista e …
6
01:38
A importância da vacina do HPV
Por que tomar a vacina contra o HPV é tão importante? O Dr. Gonzalo Vecina, médico e fundador da ANVISA, fala …