O Rio é praia, é Carnaval, mas também é classudo. Os apaixonados por música clássica podem ficar tranquilos que a agenda de concertos é mais do que intensa! O Música no Museu ocupa diversos espaços culturais da cidade, como CCBBCentro Cultural Justiça FederalIate Clube do Rio de JaneiroForte de Copacabana e MAM, com programação Catraca Livre.

Créditos: cyano66/iStock

O Música no Museu tem apresentações gratuitas quase todos os dias

O programa é um dos grandes responsáveis por essa fartura de concertos no calendário da cidade. São apresentações itinerantes, quase diárias e sempre gratuitas. O projeto, inaugurado em 1997 pelo violonista Turíbio Santos, conta hoje, ainda que alternada ou esporadicamente com quarenta e dois museus e centros culturais, além de lindas igrejas cariocas, palácios e até clubes.

Em novembro, o projeto comemora 20 anos e apresenta o X Festival Internacional de Sopros - RioWindsFestival, com ênfase na flauta, oboé, corne inglês, clarineta, saxofone e fagote, na curadoria de Harold Emert. Além da programação especial, acontecem duas grandes atrações internacionais: Nicholas Ciraldo, violonista norte-americano e a comemoração especial dos 200 anos da chegada da Princesa Leopoldina ao Brasil, apresentando a Academia Leopoldina no Palácio São Clemente e na Igreja N. Sra. da Glória.

Créditos: iStock/Studio_3321

Concertos para amantes da música clássica e erudita

Destaque ainda para as finais do X Concurso Jovens Músicos - Música no Museu nos dias 22, 23 e 24 de novembro, no CCBB, tendo no júri grandes nomes internacionais e sob a presidência do Maestro Ricardo Tacuchian e com representante da James Madison University que oferece um prêmio de até 105 mil dólares ao vencedor, bolsas
de Mestrado ou Doutorado.

Confirma a programação completa do mês de novembro aqui.

Exposições imperdíveis para curtir o RJ sem pagar NADA