Divulgação

Créditos: Divulgação

Projeto experimental é focado na individualidade de cada aluno

Estudantes escolhem a lição que pretendem fazer. As salas não têm paredes e os alunos se dividem em grupos formados por até seis estudantes, sempre coordenados por professores com conhecimentos multidisciplinares.

Este é o modelo do Ginásio Experimental de Novas Tecnologias Educacionais, Gente, projeto piloto que estreou há duas semanas na Escola Municipal André Urani, na Rocinha, e que será inaugurada oficialmente hoje, dia 1º de março.

O Gente atende crianças do sétimo ao nono ano do ensino fundamental, utiliza notebooks em sala de aula e é inspirado em escolas da Europa, Estados Unidos e América Latina. O idealizador do projeto, o subsecretário municipal de Novas Tecnologias Educacionais, Rafael Parente, defende que esta nova didática é mais focada na individualidade de cada criança.

Confira a matéria na íntegra no site do Jornal O Globo.

Gente - Ginásio Experimental de Novas Tecnologias Educacionais