Divulgação

Créditos: Divulgação

Projeto do Museu de Arte do Rio mostra os dois prédios de perfis heterogêneos interligados

Será inaugurado no Rio de Janeiro nesta sexta-feira, 1º de março, dia em que a cidade completa 448 anos, o Museu de Arte do Rio - MAR. Instalado na Praça Mauá, em dois prédios interligados, o Palacete Dom João VI e o edifício vizinho que abrigará a 'Escola do Olhar', o MAR abrirá ao público a partir da terça-feira, 5, das 10 às 17h, de terça a domingo, já equipado com quatro exposições.

Através da 'Escola do Olhar', o MAR pretende desenvolver um programa educativo de referência para ações no Brasil e no exterior, juntando arte e educação. O Museu deve atuar de maneira integrada na formação de professores da rede municipal de ensino e no recebimento dos estudantes das escolas públicas municipais, com a expectativa de atender dois mil educadores por ano, trabalhando em parceria com a Secretaria Municipal de Educação.

O MAR é uma iniciativa da Prefeitura do Rio de Janeiro e da Fundação Roberto Marinho e faz parte do projeto de revitalização da Zona Portuária. A gestão do Museu de Arte do Rio ficará a cargo do Instituto Odeon, Organização Social vencedora da concorrência pública aberta pela Prefeitura da cidade.

Exposições de inauguração

Para a Inauguração do Museu, quatro exposições serão instaladas no local, são elas: 'Uma Paisagem em Construção', que aborda a evolução da cidade ao longo de quatro séculos e traz obras de Tarsila do Amaral e gravuras de Lasar Segall; 'O Colecionador : Arte Brasileira e Internacional na coleção Boghici', que propõe um mosaico da arte e história brasileiras no século XX; 'Vontade Construtiva na Coleção Fadel', que demonstra a relação direta entre os movimentos modernos e pós modernos no Brasil e 'O Abrigo e o Terreno', que concentra sua atenção na ocupação do espaço público, na dinâmica da sociabilidade.

MAR - Museu de Arte do Rio