Com uma programação intensa, o Odisséia movimenta um público de 10 mil pessoas por mês e colabora decisivamente na formação de plateias no Rio de Janeiro. Ao contrário de outros palcos, o Odisséia não está disponível para que os artistas aluguem a casa para fazerem seus shows. Toda a programação é baseada na curadoria do Grupo Matriz.