Baixo nível de vitamina D aumenta risco de demência, diz estudo

Por: Redação

De acordo com um estudo britânico, idosos com deficiência de vitamina D têm mais riscos de sofrer demência. Os cientistas analisaram 1.650 pessoas nos Estados Unidos com mais de 65 anos para fazer a pesquisa, publicada na revista médica ‘Neurology’. As informações são do ‘Daily Mail‘.

Este não é o primeiro estudo que relaciona a deficiência de vitamina D à demência. No entanto, especialistas alertam que são necessárias outras pesquisas para concluir que a vitamina D pode ajudar a prevenir a demência. A vitamina D é encontrada em peixes oleosos, comprimidos e por meio da exposição da pele ao sol.

Reprodução
A vitamina D é encontrada em peixes oleosos, comprimidos e por meio da exposição da pele ao sol

No caso dos idosos, a conversão de vitamina D pela pela pode ser menos eficiente, aumentando as chances de eles sofrerem com essa condição. Somente no Reino Unido, cerca de 800 mil pessoas têm demência, e o número deve passar para 1 milhão até 2021.

Compartilhe:

Tags:#Idoso