Últimas notícias:

Loading...

Cai apoio a isolamento social para conter coronavírus, diz Datafolha

De acordo com o levantamento, 46% dos brasileiros defendem que as pessoas fora dos grupos de risco deveriam sair para trabalhar

Por: Redação

Pesquisa Datafolha publicada nesta quarta-feira, 29, mostra que caiu o apoio da população ao isolamento social para conter a pandemia do novo coronavírus (covid-19).

A porcentagem de brasileiros favorável ao isolamento social para todas as pessoas, independentemente de ser ou não grupo de risco, alcançou o patamar mais baixo desde o início da pandemia, 52% (era 60% na primeira semana de abril e 56% no dia 17 de abril).

Crédito: Divulgação/PMRJ/Fotos PúblicasDe acordo com o Datafolha, 46% dos brasileiros defendem que as pessoas fora dos grupos de risco deveriam sair para trabalhar

Já a parcela da população que defendiam o fim do isolamento social para certa parcela da população passou de 37% no início de abril, para 41% no dia 17 e agora está em 46% de acordo com o instituto.

Faixas etários e região

De acordo com o Datafolha, o apoio ao isolamento social para todas as pessoas é mais alto entre os mais jovens (61%), entre os moradores da região Nordeste (64%) e entre os que reprovam o desempenho de Jair Bolsonaro no combate à pandemia (71%).



Por outro lado, o apoio ao isolamento apenas às pessoas que são grupo de risco é mais alto entre os mais ricos (58%) e entre os que aprovam o desempenho de Jair Bolsonaro na luta contra o coranavírus (68%).

Quanto ao nível de isolamento social, uma fração de 16% declarou estar totalmente isolada, sem sair de casa de jeito nenhum (era 21%), 53% estão saindo de casa somente quando inevitável (era 50%) e 27% estão tomando cuidado, mas seguem saindo de casa para trabalhar ou para outras atividades (era 26%). Uma parcela de 3% declarou que a vida está normal, sem nenhuma mudança (era 4%).

O Datafolha ouviu 1.503 pessoas em todos os estados do país na última segunda-feira. A margem de erro é de três pontos percentuais.

Compartilhe: