Últimas notícias:

Loading...

China tem primeiras mortes por covid em mais de 1 ano

País, que possui tolerância zero contra a covid, voltou a confinar seus cidadãos nesta semana

Por: Redação

Em meio ao pior surto de covid-19 desde o início da pandemia, as autoridades de saúde da China reportaram neste sábado, 19, duas mortes pela doença, as primeiras desde janeiro de 2021.

As mortes, ambas de idosos na província de Jilin, no nordeste do país, elevam o número de mortes por coronavírus no país para 4.638.

Segundo as autoridades chinesas, as vítimas – uma de 87 e outra de 65 anos – já tinham outros problemas de saúde, o que teriam influenciado diretamente nas mortes.

china mortes covid
Crédito: Winhorse/istock Chia volta a registrar mortes por covid depois de mais de 1 ano

Lockdown para conter o surto

Com o avanço da variante Ômicron, o país confinou nesta semana 30 milhões de cidadãos de algumas localidades para controlar o número de infecções.

O governo chinês possui uma estratégia de “tolerância zero” contra a covid. A grande preocupação do país é a falta de leitos hospitalares de terapia intensiva para atender sua população.

Hong Kong, território autônomo no sudeste da China, que se destacou como modelo de controle da pandemia, está atualmente lutando para controlar seu pior surto da doença, com hospitais e necrotérios lotados e falta de caixões.

Nas últimas semanas, outros países da Ásia e da Europa também registraram surtos da doença.

covid
Crédito: Derek Yung/istockCasos de covid voltaram a subir na Ásia e na Europa

A Coreia do Sul registrou na última quinta-feira, 17, um recorde de novas infecções por dia, foram 621.328.

Reino Unido, Holanda, Suíça, Itália e Alemanha foram alguns dos países que também enfrentam alta de casos.

Segundo dados da Universidade Johns Hopkins, que monitora a propagação da doença no mundo, na Alemanha, o número de infecções diárias por covid passou de 67 mil no dia 6 de março para 237 mil no dia 11.

Leia mais no link abaixo:

Compartilhe:

?>