Últimas notícias:

Loading...

Índia libera envio de doses da vacina de Oxford ao Brasil

Governo Federal espera a chegada de 2 milhões de doses, que deveriam ter sido entregues na semana passada

Por: Redação
Ouça este conteúdo

O governo da Índia liberou as exportações da vacina de Oxford/AstraZeneca para o Brasil. As doses estão previstas para embarcarem em um avião do fabricante Instituto Serum na sexta-feira, segundo informou, o secretário de Relações Exteriores da Índia, Harsh Vardhan Shringla, à agência Reuters.

O Brasil espera o envio de 2 milhões de doses, quantidade prevista em acordo assinado entre os dois países. O carregamento deve chegar no sábado em Guarulhos, SP, e de lá segue para a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), no Rio de Janeiro, para ser etiquetado e armazenado.

vacina
Crédito: Kunal Mahto/istockClínicas particulares negociam com fabricante indiana de vacina contra covid-19

Atraso no envio

Na semana passada, o governo brasileiro tinha preparado um avião para ir buscar as doses, mas a remessa foi barrada pelo governo indiano por conta do início da campanha de vacinação por lá.  No início desta semana, a Índia enviou suprimentos gratuitos para países vizinhos, incluindo Butão, Maldivas, Bangladesh e Nepal.

O atraso causo apreensão no Brasil, já que o Ministério da Saúde estava contando com essas doses para dar início à vacinação em todo o país.

Até o momento, o programa nacional de imunização brasileiro conta apenas com as seis milhões de doses da CoronaVac que já foram distribuídas aos estados e municípios.

O Brasil tem o segundo maior número de mortes provocadas pela covid-19, totalizando mais de 212 mil óbitos. O país fica atrás apenas dos Estados Unidos, que soma mais de 406 mil vidas perdidas para a doença.

Compartilhe: