CORONAVÍRUS
Loading...
Últimas notícias e tudo que você precisa saberAtualizando informações
Infectados-
Mortes-
Recuperados-

Mandetta diz que ampliação do uso da cloroquina pode provocar mortes em casa

Uso do medicamento em casos leves da covid-19 é uma das apostas de Bolsonaro para acabar com a quarentena

Por: Redação

O ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta afirmou que a ampliação do uso de cloroquina para pacientes com quadro leve do novo coronavírus (covid-19) pode elevar a pressão por vagas em centros de terapia intensiva e provocar mortes em casa por arritmia.

Em entrevista à Folha, o ex-ministro ressaltou que resultados iniciais de estudos que recebeu quando ainda integrava o governo Bolsonaro já indicavam riscos no uso da cloroquina.

Crédito: Marcello Casal Jr/Agência BrasilPara ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta, a ampliação do uso da cloroquina em casos leves da covid-19 pode provocar mortes em casa

“Começaram a testar pelos [quadros] graves que estão nos hospitais. Do que sei dos estudos que me informaram e não concluíram, 33% dos pacientes em hospital, monitorados com eletrocardiograma contínuo, tiveram que suspender o uso da cloroquina porque deu arritmia que poderia levar a parada [cardíaca]”, explicou à Folha.

Segundo Mandetta, a pressão de Bolsonaro pela uso cloroquina em pacientes com sintomas leves da covid-19 é uma tentativa de estimular o retorno das pessoas ao trabalho.


#NessaQuarentenaEuVou – Dicas durante o isolamento:


No entanto, o ex-ministro alerta que o país atravessou até o momento apenas 1/3 da crise e deverá ter pelo menos mais 12 semanas “duras” pela frente.

Compartilhe:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.