Publicidade

Informar

Metrô de SP recebe postos de vacinação contra febre amarela

Por: Redação | Comunicar erro
...
Publicidade

Quem usa o metrô de São Paulo e ainda não se vacinou contra a febre amarela tem mais uma boa chance para conseguir se imunizar: nove estações da capital terão postos de vacinação até quinta (19).

Crédito: Getty Images/iStockphotoA transmissão da febre amarela acontece pela picada dos mosquitos

Segundo o site do governo, a vacina não é indicada para crianças menores de nove meses, gestantes, mulheres amamentando crianças com até seis meses e pacientes com imunodepressão de qualquer natureza, com neoplasia (câncer), com HIV, em tratamento com drogas imunossupressoras (corticosteroides, quimioterapia, radioterapia, imunomoduladores) e submetidos a transplante de órgãos. Para receber a dose, é preciso levar documento de identificação.

Confira, abaixo, as estações, as datas e os horários:

Sé: Dia 16/04, das 10 às 18h
Clínicas: Dias 16 e 18/04, das 10 às 18h
Vila Prudente: Dias 16, 18 e 19/04, das 10 às 18h
Sacomã: Dias 16, 18 e 19/04, das 10 às 18h
Penha: Dias 16, 18 e 19/04, das 10 às 18h
Tatuapé: Dias 16, 18 e 19/04, das 10 às 18h
Ana Rosa: Dias 16, 18 e 19/04, das 10 às 18h
Campo Limpo: Dias 16, 17, 18 e 19/04, das 10 às 18h
Capão Redondo: Dias 16, 17, 18 e 19/04, das 10 às 18h.

Entre julho de 2017 e março de 2018, foram 1.098 o número de casos de febre amarela no Brasil, sendo que 340 pessoas morreram por causa da doença, segundo informações do Ministério da Saúde.

O aumento do número de casos em comparação com o mesmo período de 2016/2017 deve-se ao fato do vírus da febre amarela estar circulando em regiões metropolitanas com mais contingente populacional, atingindo 34,8 milhões de pessoas que moram em áreas que nunca tiveram recomendação de vacina.

Na segunda metade de março, o governo anunciou ampliação da vacina de febre amarela para todo o país. A projeção é que a vacinação seja gradativa e concluída em abril de 2019. Desta forma, a expectativa é vacinar 77,5 milhões de pessoas, nas regiões Sudeste, Sul e Nordeste.

Leia também:

Compartilhe:

Publicidade
Publicidade

Museu de Anatomia Humana da USP exibe peças que ensina como o seu corpo funciona

Cereja Flor: O lugar das taças de sorvetes gigantes em São Paulo

Fondue taiwanês é a próxima delícia que você tem de provar

Médica tira dúvidas sobre anticoncepcional

Refugiados se tornaram microempreendedores em um lava-rápido em São Paulo

Publicidade