Últimas notícias:

Loading...

OMS monitora nova linhagem do coronavírus detectada na Índia

Ainda não se sabe se a cepa causa doença mais grave e se tem a capacidade de escapar da proteção das vacinas

Por: Redação

A Organização Mundial da Saúde (OMS) acompanha uma nova sub-linhagem da variante Ômicron do coronavírus que foi detectada em países como a Índia.

A cepa tem sido chamada de BA.2.75 e parece ter algumas mutações no domínio de ligação ao receptor da proteína spike, uma parte fundamental do vírus que se liga às células humanas para fazer a invasão.

linhagem-coronavírus
Crédito: Sumit Saraswat/istockDetectada na Índia nova sub-linhagem do coronavírus

De acordo com a cientista-chefe da OMS, Soumya Swaminathan, ainda é muito cedo para saber se essa subvariante tem propriedades de escapar da proteção conferida pelas vacinas ou se provoca doença mais grave.

“Temos que esperar para ver”, disse ela, acrescentando que a OMS está em constante rastreamento da evolução do vírus SARS-CoV-2 no mundo.

“A qualquer momento, se houver o surgimento de um vírus que pareça muito diferente de um anterior, o suficiente para ser chamado de variante separada de preocupação, o comitê fará isso”, afirmou.

Aumento de casos da covid

A atualização epidemiológica semanal da OMS sobre a covid-19, divulgada em 6 de julho, informou que, globalmente, o número de novos casos semanais aumentou pela quarta semana consecutiva após uma tendência de declínio desde o último pico em março de 2022.

coronavírus
Crédito: Creative Thinking/istockCasos de covid voltam a aumentar no mundo

Durante a semana de 27 de junho a 3 de julho, foram registrados mais de 4,6 milhões de casos, número semelhante ao da semana anterior. O número de novas mortes semanais diminuiu 12% em comparação com a semana anterior, com mais de 8.100 mortes relatadas.

De acordo com a OMS, entre as linhagens da Ômicron, as proporções de BA.5 e BA.4 continuam a aumentar. A BA.5 foi detectada em 83 países. Embora BA.4, que foi detectada em 73 países, também esteja aumentando globalmente, a taxa de aumento não é tão alta quanto a de BA.5.

Compartilhe:

?>