SP amplia vacinação contra sarampo após aumento de 300% nos casos

A expectativa da secretaria é imunizar mais de 900 mil jovens e adultos

Por: Redação | Comunicar erro

São Paulo já contabiliza 206 casos de sarampo em todo estado, um aumento de 303% em apenas um mês, de acordo com o último boletim da Secretaria Estadual de Saúde. Diante disso, a campanha de vacinação foi ampliada para jovens de 15 a 29 anos em mais cinco municípios da Grande São Paulo.

Segundo a secretaria, essa faixa etária é considerada a mais vulnerável a infecções por causa da baixa procura pela segunda dose da vacina.

frasco de vacina de sarampo
Crédito: Hailshadow/istockQuem já tomou as duas doses da vacina contra sarampo não precisa mais se vacinar

As cidades que passam a receber a campanha a partir desta quinta-feira (11) são:

  • Guarulhos
  • Osasco
  • São Bernardo do Campo
  • Santo André
  • São Caetano do Sul

A expectativa da secretaria é imunizar mais de 900 mil jovens e adultos dessa faixa etária nesses locais. No dia 20 de julho será realizado um Dia D de Imunização.

Na capital paulista, a campanha está ocorrendo desde o dia 10 de junho e a meta é vacinar 2,9 milhões de paulistanos com idade entre 15 e 29 anos. Até o dia 1º de Julho, 47 mil pessoas foram  vacinadas na cidade de São  Paulo.

Até o momento foram confirmados 206 casos de sarampo no estado. Mais da metade dos casos (66% do total) se concentra na capital, com 137 registros. Na faixa etária entre 15 e 29 anos, foram registrados 98 casos.

Esquema vacinal contra o sarampo

O esquema vacinal contra o sarampo para crianças é de uma dose aos 12 meses (Tríplice Viral) e outra (a Tetra Viral) aos 15 meses de idade.

Para adolescentes e adultos até 49 anos:

Até os 29 anos – duas doses, podendo ser da Tríplice ou Tetra Viral

Dos 30 aos 49 anos – dose única, podendo ser da Tríplice ou Tetra Viral

Quem já tomou duas doses durante a vida, da Tríplice ou da Tetra, não precisa mais receber a vacina.

Sarampo

bebê com sarampo no colo de médica
Crédito: andriano_cz/istockNúmero de casos de sarampo teve aumento de 303% em um mês em SP

O sarampo é uma doença infecciosa aguda, de natureza viral, grave, transmitida pela fala, tosse e espirro, e extremamente contagiosa, mas que pode ser prevenida pela vacina. Pode ser contraída por pessoas de qualquer idade. Em algumas partes do mundo, a doença é uma das principais causas de morbimortalidade entre crianças menores de 5 anos de idade.

Febre alta, acima de 38,5°C,  tosse, coriza, conjuntivite e erupções cutâneas vermelhas são característicos da doença.

Principais sinais e sintomas do sarampo:

  • Febre alta, acima de 38,5°C;
  • Dor de cabeça;
  • Manchas vermelhas, que surgem primeiro no rosto e atrás das orelhas, e, em seguida, se espalham pelo corpo;
  • Tosse;
  • Coriza;
  • Conjuntivite;
  • Manchas brancas que aparecem na mucosa bucal

Com informações da Agência Brasil.

Compartilhe:

1 / 8
1
03:29
O que os pais podem fazer para ajudar seus filhos
Qual a responsabilidade que os pais têm em relação a ansiedade que seus filhos sofrem? A Dra. Ana Escobar, pediatra e …
2
01:33
Secreção vaginal: quais são os tipos e o que eles indicam
Ter secreção vaginal é normal? A Dra. Marianne Pinotti, ginecologista e obstetra, fala sobre quais os tipos de secreção vaginal e …
3
02:27
Escolhas que trazem longevidade
Se você pudesse escolher viver até os 100 anos, o que você faria? O Dr. João Paulo Nogueira, médico e fundador …
4
02:11
É importante tomar a vacina da hepatite?
O que é hepatite? e qual a importância em se vacinar contra esta doença? O Dr. Gonzalo Vecina, médico e fundador …
5
02:10
Como cuidar da saúde dos olhos
A saúde dos olhos depende de algum fator específico? A história de que comer cenoura faz bem para a visão, …
6
02:15
Os 3 níveis de estresse infantil
Quais são os níveis de estresses que uma criança pode ter? Como eles são classificados? A Dra. Ana Escobar, pediatra e …
7
06:25
O que você precisa saber sobre o HPV?
Quais os sinais que indicam o HPV? E como se prevenir deste vírus? A Dra. Marianne Pinotti, ginecologista e obstetra, fala …
8
03:04
O que fazer para ter uma boa velhice?
Quais hábitos podemos ter para chegarmos bem a terceira idade? O Dr. João Nogueira, médico e fundador do Horas da Vida, …