Últimas notícias:

Loading...

Vacina de Oxford pode começar a ser distribuída aos estados no sábado

Brasil aguarda uma carga com 2 milhões de doses do imunizante

Por: Redação
Ouça este conteúdo

As doses da vacina de Oxford que estão a caminho do Brasil, vindas da Índia, devem começar a ser distribuídas já neste sábado, 23, segundo o presidente Jair Bolsonaro. “Se chegar hoje à noite, começa a chegar aos seus destinos [estados]”, disse o presidente em entrevista à CNN.

O carregamento está com previsão de chegada ao aeroporto internacional de Guarulhos, SP, na noite desta sexta-feira, 22, e depois segue para a para a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), no Rio de janeiro, que se encarregará de etiquetar as doses.

“A logística é feita pelo general Pazuello, ministro da Saúde, juntamente o ministro da Defesa. Entregamos tão logo a Anvisa aprovou. As pessoas dizem que eu era contra a vacina; eu era contra a vacina sem passar pela Anvisa. Passou pela Anvisa, não tem mais o que discutir, tenho que distribuir”, afirmou Bolsonaro.

É esperada uma carga de 2 milhões de doses da vacina desenvolvida pelo laboratório AstraZeneca e fabricada no fabricante Instituto Serum, o maior produtor de vacinas do mundo.

vacina da pfizer
Crédito: MarsBars/istcokVacina de Oxford pode começar a ser distribuída aos estados no sábado, segundo Bolsonaro

Atraso no envio

Na semana passada, o governo brasileiro tinha preparado um avião para ir buscar as doses, mas a remessa foi barrada pelo governo indiano por conta do início da campanha de vacinação por lá.  No início desta semana, a Índia enviou suprimentos gratuitos para países vizinhos, incluindo Butão, Maldivas, Bangladesh e Nepal.

O atraso causo apreensão no Brasil, já que o Ministério da Saúde estava contando com essas doses para dar início à vacinação em todo o país.

Até o momento, o programa nacional de imunização brasileiro conta apenas com as seis milhões de doses da CoronaVac que já foram distribuídas aos estados e municípios.

Compartilhe: