Vacina testada no Brasil é aprovada para uso emergencial na China

A aprovação veio antes da conclusão dos testes da última fase

Por: Redação
Ouça este conteúdo

A vacina chinesa CoronaVac, que está sendo testada em 9 mil voluntários no Brasil, recebeu aprovação para uso emergencial na China, onde está sendo aplicada desde julho. A informação foi confirmada por uma fonte do país asiático à Agência Reuters.

Por enquanto, apenas pessoas consideradas do grupo de risco ou mais expostas ao vírus, como médicos, estão sendo imunizadas.

vacina chinesa coronavac pode ser liberada no fim do ano
Crédito: Divuglação/Governo do Estado de São PauloVacina chinesa CoronaVac foi liberada para uso emergencial na China

A aprovação veio antes da conclusão dos testes da última fase, que determina se o imunizante é realmente seguro e eficaz. No Brasil, os voluntários estão sendo acompanhados diariamente, e os resultados dessas análises são esperados para outubro. O Instituto Butantan é quem coordena os estudos no país.

Além do Brasil, o imunizante também está sendo testado na Argentina, Marrocos, Emirados Árabes Unidos e Peru.


#NessaQuarentenaEuVou – Dicas durante o isolamento:


Mais uma vacina

De acordo com a Reuters, outra vacina chinesa também já obteve aprovação para uso emergencial. Trata-se do imunizante desenvolvido pelo grupo farmacêutico Sinopharm.

Vale dizer que a Sinopharm tem um acordo com o governo do Paraná para que o Brasil possa também ser incluído nos testes da fase 3, que devem ser iniciados em 45 dias.

Compartilhe: