Em homenagem ao Antonio Polo Galante, maior produtor de Cinema da Boca do Lixo em São Paulo, o Museu da Imagem e do Som apresenta a mostra "A boca da Boca – A produção de A. P. Galante", que acontece entre os dias 1º e 7 de agosto, com entrada até R$ 4.

Além da exibição de 14 longas-metragens e trailers raros da Boca do Lixo, a abertura do evento promove um encontro do público com Antonio Galante, em um debate com a participação do crítico Inácio Araújo, às 20h. O evento também marca o lançamento do livro "O bilhete azul – passaporte para a liberdade",  obra que narra sua trajetória de vida escrita por sua mulher, Manuela.

A mostra marca ainda a retomada do projeto "Memória do Cinema", que, desde os anos 1970, registra em áudio e vídeo depoimentos de personalidades do cinema nacional. Encerrando a programação, o debate “Mulheres da Boca” reúne as atrizes Helena Ramos, Neide Ribeiro, Zilda Mayo e Aldine Muller, em uma homenagem ao diretor Carlos Reichenbach. O encontro acontece às 20h, após a sessão de "Anjos do Arrabalde", de Reichenbach.

Confira a programação completa abaixo:

18h15 - Exibição de trailers raros de filmes da Boca do Lixo: Trilogia do terror (1968); A doce mulher amada (1969); As armas (1969); A mulher de todos (1969); e O cangaceiro sanguinário (1969)

18h30 - A mulher de todos (Rogerio Sganzerla, 1969, 80 min, pb)

20h - Debate: Antonio P. Galante e Inácio Araújo e Lançamento do livro "O bilhete azul – passaporte para a liberdade", de Manuela Galante

18h30 - Vidas Nuas (Ody Fraga, 1967, 85 min, cor)

20h - Trilogia do terror (Luiz Sergio Person, Ozualdo Candeias e José Mojica Marins, 1968, 92 min, pb)

18h30 A doce mulher amada (Ruy Santos, 1969, 90 min, cor)

20h No rancho fundo (Osvaldo de Oliveira, 1971, 86min cor)

15h - Terapia do sexo (Ody Fraga, 1978, 85 min, cor, semidocumentário)

17h - O cangaceiro sanguinário (Osvaldo de Oliveira, 1969, 85 min, cor)

19h - As armas (Astolfo Araújo, 1969, 85 min, cor)

21h - Ilha dos prazeres proibidos (Carlos Reichenbach, 1978, 90 min, cor)

15h - À flor da pele (Francisco Ramalho Jr., 1976, 100 min, cor)

17h - A filha de Emanuelle (Osvaldo de Oliveira, 1980, 94 min, cor)

19h - As safadas (Carlos Reichenbach, Inácio Araujo e Antonio Meliande, 1982, 86 min, cor)

21h - Convite ao prazer (Walter Hugo Khouri, 1980, 111 min, cor)

18h30 - Anjos do Arrabalde (Carlos Reichenbach, 1986, 104 min, cor)

20h - Debate: "Mulheres da Boca", com Helena Ramos, Neide Ribeiro, Zilda Mayo e Aldine Müller - Homenagem a Carlos Reichenbach

"A boca da Boca – A produção de A. P. Galante

01 Ago
a
07 Ago

  • de 1 a 07/08
    • Terças, Quartas, Quintas, Sextas, Sábados e Domingos das 15:00 às 21:00


R$ 4*
* R$ 2 (meia-entrada)