Às quartas-feiras de julho, o Itaú Cultural promove o Ciclo Margens, uma série de encontros literários que têm como objetivo discutir a produção literária a partir das periferias brasileiras. As conversas dão voz a pessoas, principalmente mulheres, que escrevem a literatura dita marginal.

Os encontros acontecem sempre às 19h, com entrada Catraca Livre. O público preferencial deve retirar o ingresso na bilheteria duas horas antes, e o convencional, apenas uma hora antes.

Ao todo, serão três mesas de debate, um a cada semana, todos com mediação da jornalista Jéssica Balbino, curadora da programação com o Núcleo de Audiovisual e Literatura, e a presença de autores e poetas.

1/6

Crédito da imagem: André Seiti

Itaú Cultural realiza encontros sobre literatura marginal

2/6

Crédito da imagem: divulgação

Dona Jacira, mãe de Emicida e Fióti, participa de um dos encontros

3/6

Crédito da imagem: divulgação

Kika Sena

4/6

 

Jéssica Balbino, curadora e mediadora das mesas

5/6

Crédito da imagem: Patricia Blason

Leticia Brito

6/6

Crédito da imagem: Chaia Dechen

Raquel Almeida

  • Crédito da imagem: André Seiti

    1/6

    Itaú Cultural realiza encontros sobre literatura marginal

  • Crédito da imagem: divulgação

    2/6

    Dona Jacira, mãe de Emicida e Fióti, participa de um dos encontros

  • Crédito da imagem: divulgação

    3/6

    Kika Sena

  •  

    4/6

    Jéssica Balbino, curadora e mediadora das mesas

  • Crédito da imagem: Patricia Blason

    5/6

    Leticia Brito

  • Crédito da imagem: Chaia Dechen

    6/6

    Raquel Almeida

O primeiro encontro, no dia 12, tem o tema Literatura Marginal. A conversa conta com a presença do poeta Allan Jonnes e da escritora Raquel Almeida e procura entender como as pessoas se descobrem escritoras e o que as leva a publicarem, divulgarem e difundirem a literatura em sua comunidade.

Na semana seguinte, dia 19, Jacira Roque de Oliveira, mãe de Emicida e Fióti, que lançará seu primeiro livro este ano, e a poeta Letícia Brito discorrem sobre o tema Mulheres na literatura marginal/periférica. Partindo do crescimento do número de publicações de livros feitos pelo público feminino, a mesa discute a descoberta da mulher como autora e o que está por trás da publicação.

Encerrando o ciclo, na terceira mesa, O que define uma pessoa como poeta ou escritor?, as poetas Kika Sena e Janaína Moitinho abordam os questionamentos acerca do rótulo de poeta e escritor.

Confira a programação:

Dia 12 de julho (quarta-feira), às 19h
Literatura Marginal
Com: Allan Jones, Raquel Almeida e mediação de Jéssica Balbino
Duração aproximada: 90 minutos
Classificação indicativa: Livre

Dia 19 de julho (quarta-feira), às 19h
Mulheres na literatura marginal/periférica
Com: Jacira Roque de Oliveira, Letícia Brito e mediação de Jéssica Balbino
Duração aproximada: 90 minutos
Classificação indicativa: Livre

Dia 26 de julho (quarta-feira), às 19h
Ser ou não ser escritor
Com: Kika Sena, Janaína Moitinho e mediação de Jéssica Balbino
Duração aproximada: 90 minutos
Classificação indicativa: Livre

---

Mais SP:

Festival tecnológico leva tapete musical coletivo à Paulista

Ciclo Margens

12 Jul
a
26 Jul

De 12 a 26/07:  Quartas às 19:00

Itaú Cultural
Avenida Paulista, 149 Bela Vista - Centro São Paulo - SP (11) 2168-1700
Estação Brigadeiro (Metrô - Linha 2 Verde)
Catraca Livre