A Cooperativa Cultural da Periferia (Cooperifa) se tornou um dos saraus mais reconhecidos da
cidade. Os encontros no Zé Batidão surgiram em 2001, quando moradores do Jd. São Luís, poetas e amantes da literatura decidiram criar um evento para promover poesia semanalmente. Hoje, o nome Cooperifa não se resume apenas ao sarau. É um Centro Cultural, pólo de reconhecimento de artistas e intelectuais e motivo de orgulho para os moradores da região.