Entre 30 de outubro e 8 de novembro, a “X Mostra Latino-Americana de Teatro de Grupo” recebe espetáculos de cinco países: Brasil, Argentina, Cuba, Chile e Equador. As apresentações ocorrem em vários espaços da cidade, como a SP Escola de Teatro, o Centro Cultural da Juventude (CCJ), o Centro Cultural São Paulo (CCSP) e os CEUs. A entrada é Catraca Livre para todas as atrações.

Organizada pela Cooperativa Paulista de Teatro (CPT), a atual edição do evento tem o tema “Artivismo Latino - Resistências Poéticas”. Para discuti-lo, os grupos que participam do festival se reúnem em várias mesas de bate-papo.

1/12

 

"Condominio Nova Era", d'A Digna Companhia - foto: divulgação

2/12

 

"A cidade dos rios invisiveis", do Coletivo Estopo - foto: Ramilla Souza

3/12

 

"Arqueologia do Presente", de OPOVOEMPE - foto: Felipe S Cohen

4/12

 

"Caminos Invisibles...La Partid", de Juan Cusicanki - fotos: Cristian Cancino

5/12

 

"Fidel-Fidel. Conflicto en La Prensa", El Bachin Teatro - foto: Nicolas F. Blanco

6/12

 

"Instrucciones", do Grupo de Teatro Malayerba

7/12

 

"Jacy", do Grupo Carmin - foto: Daniel Torres

8/12

 

"La Expulsion de Los Jesuitas" - foto: Prensa UC

9/12

 

"La Virgen Triste", da Compañia Galiano 108 - foto: Pedro Balmaseda

10/12

 

"Ledores do Breu", Cia. do Tijolo - foto: Alécio César

11/12

 

"Motosserra Perfumada" - foto: Marcos Lobo

12/12

 

"Página 469", do Grupo Engasga Gato - foto:Rogener Tavinski

  •  

    1/12

    "Condominio Nova Era", d'A Digna Companhia - foto: divulgação

  •  

    2/12

    "A cidade dos rios invisiveis", do Coletivo Estopo - foto: Ramilla Souza

  •  

    3/12

    "Arqueologia do Presente", de OPOVOEMPE - foto: Felipe S Cohen

  •  

    4/12

    "Caminos Invisibles...La Partid", de Juan Cusicanki - fotos: Cristian Cancino

  •  

    5/12

    "Fidel-Fidel. Conflicto en La Prensa", El Bachin Teatro - foto: Nicolas F. Blanco

  •  

    6/12

    "Instrucciones", do Grupo de Teatro Malayerba

  •  

    7/12

    "Jacy", do Grupo Carmin - foto: Daniel Torres

  •  

    8/12

    "La Expulsion de Los Jesuitas" - foto: Prensa UC

  •  

    9/12

    "La Virgen Triste", da Compañia Galiano 108 - foto: Pedro Balmaseda

  •  

    10/12

    "Ledores do Breu", Cia. do Tijolo - foto: Alécio César

  •  

    11/12

    "Motosserra Perfumada" - foto: Marcos Lobo

  •  

    12/12

    "Página 469", do Grupo Engasga Gato - foto:Rogener Tavinski

Um dos destaques nacionais é “A Cidade dos Rios Invisíveis”, do Coletivo Estopô Balaio, inspirada no livro “As Cidades Invisíveis”, de Ítalo Calvino. A peça ocorre nos trens da linha 12-Safira da CPTM, entre as estações Brás e Jardim Romano. Os espectadores viajam com fones de ouvido que reproduzem uma gravação sobre os universos possíveis, as paisagens desconhecidas e a vida urgente e pulsante nesse trajeto.

Outra atração é o espetáculo cubano “La Virgen Triste”, da Compañia Galiano 108, que revela a paixão e a morte precoce – aos 18 anos – da poetisa Juana Borrero. A montagem reúne trechos de cartas, poemas e pinturas da artista.

Confira a programação completa do "X Mostra Latino-Americana de Teatro de Grupo":


21h
“Ledores no Breu”, da Cia do Tijolo (São Paulo/SP)
Sinopse: Inspirado no texto “Confissão de Caboclo”, do poeta Zé da Luz, e no pensamento e prática do educador Paulo Freire, o espetáculo trata das relações entre homem sem leitura e sem escrita com o mundo ao seu redor.
Classificação: Livre
Local: Sala Jardel Filho (CCSP)

15h
“A Cidade dos Rios Invisíveis”, do Coletivo Estopô Balaio de criação, memória e narrativa (São Paulo/SP)
Sinopse: A partir do percurso Brás – Jardim Romano, pela linha 12 – Safira da CPTM, o público encontrará bairros que se transformam em cidades fantásticas. Partindo do universo de Ítalo Calvino em “As cidades invisíveis”, os espectadores, munidos de aparelhos sonoros, serão guiados pelo som a imaginar universos possíveis, paisagens desconhecidas e uma vida urgente e pulsante. Ao chegar no Jardim Romano, o palco passa a ser os locais nos quais a enchente foi vivenciada pelo bairro, bem como, as casas, ruas, becos que buscam retratar o modo de vida daquele lugar. A travessia encerra-se no rio, matriz primeira do devaneio poético.
Classificação: Livre
Local: CPTM

21h
“Jacy”, do Grupo Carmin (São Paulo/ SP)
Sinopse: O espetáculo revela o processo de uma investigação artística a partir de uma frasqueira, encontrada no lixo, contendo vestígios de vida de uma senhora de 90 anos. A peça de teatro documental convida a plateia para acompanhar a trajetória de uma mulher comum, que atravessou a Segunda Guerra Mundial e a ditadura no Brasil, esteve no centro de um importante conflito da política no Rio Grande do Norte, viveu um amor estrangeiro e terminou seus dias sozinha em Natal. De caráter tragicômico, revela fatos sobre o abandono dos idosos, a política e o crescimento desenfreado das cidades.
Classificação: 12 anos
Local: Sala Jardel Filho (CCSP)

21h
“Arqueologia do Presente - A Batalha da Maria Antônia”, de OPOVOEMPÉ (São Paulo/ SP)
Sinopse: É um espetáculo que busca, no entrecruzamento das linguagens, a força poética e propulsora do encontro de corpos dentro de um espaço cênico específico, caracterizado pela operação da poesia sobre a realidade.
Classificação: 12 anos
Local: Anexo (CCSP)


15h
“A Cidade dos Rios Invisíveis”, do Coletivo Estopô Balaio de criação, memória e narrativa (São Paulo/SP)
Sinopse: A partir do percurso Brás – Jardim Romano, pela linha 12 – Safira da CPTM, o público encontrará bairros que se transformam em cidades fantásticas. Partindo do universo de Ítalo Calvino em “As cidades invisíveis”, os espectadores, munidos de aparelhos sonoros, serão guiados pelo som a imaginar universos possíveis, paisagens desconhecidas e uma vida urgente e pulsante. Ao chegar no Jardim Romano, o palco passa a ser os locais nos quais a enchente foi vivenciada pelo bairro, bem como, as casas, ruas, becos que buscam retratar o modo de vida daquele lugar. A travessia encerra-se no rio, matriz primeira do devaneio poético.
Classificação: Livre
Local: CPTM

17h
“Fidel-Fidel. Conflicto en La Prensa”, da El Bachin Teatro (Argentina)
Sinopse: O espetáculo se insere nos conflitos dos meios de comunicação, do poder que constituem e suas formas de incidir, operar e construir subjetividade, formando opinião de acordo com seus próprios interesses. Um espetáculo onde a figura de Fidel e a Revolução Cubana como brincadeira jogam de forma poética, convertendo-se em inspiração, possibilidade e exemplo de liberação para gerações passadas, presentes e futuras.
Classificação: 12 anos
Local: CEU Inácio Monteiro (Zona Leste)

20h
“Jacy”, do Grupo Carmin (São Paulo/ SP)
Sinopse: O espetáculo revela o processo de uma investigação artística a partir de uma frasqueira, encontrada no lixo, contendo vestígios de vida de uma senhora de 90 anos. A peça de teatro documental convida a plateia para acompanhar a trajetória de uma mulher comum, que atravessou a Segunda Guerra Mundial e a ditadura no Brasil, esteve no centro de um importante conflito da política no Rio Grande do Norte, viveu um amor estrangeiro e terminou seus dias sozinha em Natal. De caráter tragicômico, revela fatos sobre o abandono dos idosos, a política e o crescimento desenfreado das cidades.
Classificação: 12 anos
Local: SP Escola de Teatro

20h
“Arqueologia do Presente - A Batalha da Maria Antônia”, de OPOVOEMPÉ (São Paulo/ SP)
Sinopse: É um espetáculo que busca, no entrecruzamento das linguagens, a força poética e propulsora do encontro de corpos dentro de um espaço cênico específico, caracterizado pela operação da poesia sobre a realidade.
Classificação: 12 anos
Local: Anexo (CCSP)

20h
“Instrucciones para Abrazar El Aire”, do Grupo de Teatro Malayerba (Equador)
Sinopse: Baseada em fatos reais, a peça reconstitui fatos que aconteceram numa casa da cidade de La Plata, Argentina, em 1976. Não se trata de uma reconstituição ao pé da letra. Em vez disso, vemos a peça sem suas referências históricas; um documento de ficção que chama o autor a este trabalho.
Classificação: 12 anos
Local: Sala Jardel Filho (CCSP)


15h
“A Cidade dos Rios Invisíveis”, do Coletivo Estopô Balaio de criação, memória e narrativa (São Paulo/SP)
Sinopse: A partir do percurso Brás – Jardim Romano, pela linha 12 – Safira da CPTM, o público encontrará bairros que se transformam em cidades fantásticas. Partindo do universo de Ítalo Calvino em “As cidades invisíveis”, os espectadores, munidos de aparelhos sonoros, serão guiados pelo som a imaginar universos possíveis, paisagens desconhecidas e uma vida urgente e pulsante. Ao chegar no Jardim Romano, o palco passa a ser os locais nos quais a enchente foi vivenciada pelo bairro, bem como, as casas, ruas, becos que buscam retratar o modo de vida daquele lugar. A travessia encerra-se no rio, matriz primeira do devaneio poético.
Classificação: 12 anos
Local: CPTM

17h
“La Virgen Triste”, da Compañia Galiano 108 (Cuba)
Sinopse: A peça é inspirada nas poesias de Juana Borrero, uma poetiza e pintora cubana que viveu no final do século 19. Ela morreu poucos meses antes de completar 18 anos, foi uma menina prodígio e uma das figuras mais fascinantes do Modernismo Americano.
Classificação: 14 anos
Local: CEU Casa Blanca (Zona Sul)

20h30
“Condomínio Nova Era”, d’A Digna Companhia (São Paulo/ SP)
Sinopse: Inspirado em uma pensão real de São Paulo, a peça aborda, por meio das histórias dos moradores, temas da atualidade como moradia, habitação, especulação imobiliária, ação militar e manifestações populares.
Classificação: 12 anos
Local: Espaço Sobrevento


18h
“Página 469”, do Grupo Engasga Gato (Ribeirão Preto/ SP)
Sinopse: Uma ambulância rompe o espaço público. De dentro dela, saem três integrantes cegos da “Liga Pública do Bem”, que tem a missão de encontrar e readequar funcionários municipais dissidentes. Guiados por uma denúncia anônima, os três enfrentam o caos do centro urbano em busca de Getúlio, um funcionário que abandonou seu posto de trabalho há alguns anos, fugindo do frio do ar condicionado e da opressão de sua pequena salinha. A peça envolve os espectadores num jogo de esperanças e tristezas.
Classificação: Livre
Local: Praça Roosevelt

19h30
“La Expulsión de Los Jesuitas”, do Tryo Teatro Banda (Chile)
Sinopse: A peça nos mostra os religiosos da Companhia de Jesus chegando ao Chile e empregando um esforço sobre-humano para deter a Guerra de Arauco. No entanto, o próprio Rei da Espanha acaba expulsando de seus reinos aqueles que talvez tenham sido seus ardentes defensores durante as guerras da independência.
Classificação: 13 anos
Local: CEU Perus (Zona Oeste)

20h
“Jacy”, do Grupo Carmin (São Paulo/ SP)
Sinopse: O espetáculo revela o processo de uma investigação artística a partir de uma frasqueira, encontrada no lixo, contendo vestígios de vida de uma senhora de 90 anos. A peça de teatro documental convida a plateia para acompanhar a trajetória de uma mulher comum, que atravessou a Segunda Guerra Mundial e a ditadura no Brasil, esteve no centro de um importante conflito da política no Rio Grande do Norte, viveu um amor estrangeiro e terminou seus dias sozinha em Natal. De caráter tragicômico, revela fatos sobre o abandono dos idosos, a política e o crescimento desenfreado das cidades.
Classificação: 12 anos
Local: Instituto Pombas Urbanas

20h
“Fidel-Fidel. Conflicto en La Prensa”, da El Bachin Teatro (Argentina)
Sinopse: É um espetáculo que se insere nos conflitos dos meios de comunicação, do poder que constituem e suas formas de incidir, operar e construir subjetividade, formando opinião de acordo com seus próprios interesses. Um espetáculo onde a figura de Fidel e a Revolução Cubana como brincadeira jogam de forma poética, convertendo-se em inspiração, possibilidade e exemplo de liberação para gerações passadas, presentes e futuras.
Classificação: 12 anos
Local: Azul da Cor do Mar (Zona Leste)

20h
“Instrucciones para Abrazar El Aire”, do Grupo de Teatro Malayerba (Equador)
Sinopse: Baseada em fatos reais, a peça reconstitui fatos que aconteceram numa casa da cidade de La Plata, Argentina, em 1976. Não se trata de uma reconstituição ao pé da letra, em vez disso vemos a peça sem suas referências históricas; um documento de ficção que chama o autor a este trabalho.
Classificação: 12 anos
Local: CEU Casa Blanca (Zona Sul)

20h
“La Virgen Triste”, da Compañia Galiano 108 (Cuba)
Sinopse: A peça é inspirada nas poesias de Juana Borrero, uma poetiza e pintora cubana que viveu no final do século 19. Ela morreu poucos meses antes de completar 18 anos, foi uma menina prodígio e uma das figuras mais fascinantes do Modernismo Americano.
Classificação: 14 anos
Local: CEU Inácio Monteiro (Zona Leste)

20h
“Caminos Invisibles... La Partida”, da Cia. Nova de Teatro (São Paulo/ SP)
Sinopse: Composto por atores brasileiros e bolivianos, o espetáculo narra a trajetória de imigrantes sul-americanos, com destaque para os povos andinos, que deixam seus países em busca de melhores condições de vida e chegam à grande metrópole paulistana. Este cenário se funde com as situações de ilegalidades na luta pela sobrevivência.
Classificação: 14 anos
Local: Centro Cultural da Juventude

20h30
“Condomínio Nova Era”, d’A Digna Companhia (São Paulo/ SP)
Sinopse: Inspirado em uma pensão real de São Paulo, a peça aborda, por meio das histórias dos moradores, temas da atualidade como moradia, habitação, especulação imobiliária, ação militar e manifestações populares.
Classificação: 12 anos
Local: Espaço Sobrevento

21h
“Arqueologia do Presente - A Batalha da Maria Antônia”, de OPOVOEMPÉ (São Paulo/ SP)
Sinopse: É um espetáculo que busca, no entrecruzamento das linguagens, a força poética e propulsora do encontro de corpos dentro de um espaço cênico específico, caracterizado pela operação da poesia sobre a realidade.
Classificação: 12 anos
Local: Anexo (CCSP)


16h e 20h
“Caminos Invisibles... La Partida”, da Cia. Nova de Teatro (São Paulo/ SP)
Sinopse: Composto por atores brasileiros e bolivianos, o espetáculo narra a trajetória de imigrantes sul-americanos, com destaque para os povos andinos, que deixam seus países em busca de melhores condições de vida e chegam à grande metrópole paulistana. Este cenário se funde com as situações de ilegalidades na luta pela sobrevivência.
Classificação: 14 anos
Local: Centro Cultural da Juventude

19h
“Página 469”, do Grupo Engasga Gato (Ribeirão Preto/ SP)
Sinopse: Uma ambulância rompe o espaço público. De dentro dela, saem três integrantes cegos da “Liga Pública do Bem”, que tem a missão de encontrar e readequar funcionários municipais dissidentes. Guiados por uma denúncia anônima, os três enfrentam o caos do centro urbano em busca de Getúlio, um funcionário que abandonou seu posto de trabalho há alguns anos, fugindo do frio do ar condicionado e da opressão de sua pequena salinha. A peça envolve os espectadores num jogo de esperanças e tristezas.
Classificação: Livre
Local: Instituto Pombas Urbanas

19h30
“Fidel-Fidel. Conflicto en La Prensa”, da El Bachin Teatro (Argentina)
Sinopse: É um espetáculo que se insere nos conflitos dos meios de comunicação, do poder que constituem e suas formas de incidir, operar e construir subjetividade, formando opinião de acordo com seus próprios interesses. Um espetáculo onde a figura de Fidel e a Revolução Cubana como brincadeira jogam de forma poética, convertendo-se em inspiração, possibilidade e exemplo de liberação para gerações passadas, presentes e futuras.
Classificação: 12 anos
Local: CEU Perus (Zona Oeste)

20h
“Instrucciones para Abrazar El Aire”, do Grupo de Teatro Malayerba (Equador)
Sinopse: Baseada em fatos reais, a peça reconstitui fatos que aconteceram numa casa da cidade de La Plata, Argentina, em 1976. Não se trata de uma reconstituição ao pé da letra, em vez disso vemos a peça sem suas referências históricas; um documento de ficção que chama o autor a este trabalho.
Classificação: 12 anos
Local: CEU Inácio Monteiro (Zona Leste)

20h
“La Virgen Triste”, da Compañia Galiano 108 (Cuba)

Sinopse: A peça é inspirada nas poesias de Juana Borrero, uma poetiza e pintora cubana que viveu no final do século 19. Ela morreu poucos meses antes de completar 18 anos, foi uma menina prodígio e uma das figuras mais fascinantes do Modernismo Americano.
Classificação: 14 anos
Local: CEU Azul da Cor do Mar (Zona Leste)

20h
“La Expulsión de Los Jesuitas”, do Tryo Teatro Banda (Chile)
Sinopse: A peça nos mostra os religiosos da Companhia de Jesus chegando ao Chile e empregando um esforço sobre-humano para deter a Guerra de Arauco. No entanto, o próprio Rei da Espanha acaba expulsando de seus reinos aqueles que talvez tenham sido seus ardentes defensores durante as guerras da independência.
Classificação: 13 anos
Local: Sala Jardel Filho (CCSP)

20h30
“Condomínio Nova Era”, d’A Digna Companhia (São Paulo/ SP)
Sinopse: Inspirado em uma pensão real de São Paulo, a peça aborda, por meio das histórias dos moradores, temas da atualidade como moradia, habitação, especulação imobiliária, ação militar e manifestações populares.
Classificação: 12 anos
Local: Espaço Sobrevento


19h30
“La Virgen Triste”, da Compañia Galiano 108 (Cuba)
Sinopse: A peça é inspirada nas poesias de Juana Borrero, uma poetiza e pintora cubana que viveu no final do século 19. Ela morreu poucos meses antes de completar 18 anos, foi uma menina prodígio e uma das figuras mais fascinantes do Modernismo Americano.
Classificação: 14 anos
Local: CEU Perus (Zona Oeste)

20h
“Instrucciones para Abrazar El Aire”, do Grupo de Teatro Malayerba (Equador)
Sinopse: Baseada em fatos reais, a peça reconstitui fatos que aconteceram numa casa da cidade de La Plata, Argentina, em 1976. Não se trata de uma reconstituição ao pé da letra, em vez disso vemos a peça sem suas referências históricas; um documento de ficção que chama o autor a este trabalho.
Classificação: 12 anos
Local: CEU Azul da Cor do Mar (Zona Leste)

20h
“La Expulsión de Los Jesuitas”, do Tryo Teatro Banda (Chile)
Sinopse: A peça nos mostra os religiosos da Companhia de Jesus chegando ao Chile e empregando um esforço sobre-humano para deter a Guerra de Arauco. No entanto, o próprio Rei da Espanha acaba expulsando de seus reinos aqueles que talvez tenham sido seus ardentes defensores durante as guerras da independência.
Classificação: 13 anos
Local: CEU Casa Blanca (Zona Sul)

21h
“Fidel-Fidel. Conflicto en La Prensa”, da El Bachin Teatro (Argentina)
Sinopse: É um espetáculo que se insere nos conflitos dos meios de comunicação, do poder que constituem e suas formas de incidir, operar e construir subjetividade, formando opinião de acordo com seus próprios interesses. Um espetáculo onde a figura de Fidel e a Revolução Cubana como brincadeira jogam de forma poética, convertendo-se em inspiração, possibilidade e exemplo de liberação para gerações passadas, presentes e futuras.
Classificação: 12 anos
Local: Sala Jardel Filho (CCSP)


15h
“Página 469”, do Grupo Engasga Gato (Ribeirão Preto/ SP)
Sinopse: Uma ambulância rompe o espaço público. De dentro dela, saem três integrantes cegos da “Liga Pública do Bem”, que tem a missão de encontrar e readequar funcionários municipais dissidentes. Guiados por uma denúncia anônima, os três enfrentam o caos do centro urbano em busca de Getúlio, um funcionário que abandonou seu posto de trabalho há alguns anos, fugindo do frio do ar condicionado e da opressão de sua pequena salinha. A peça envolve os espectadores num jogo de esperanças e tristezas.
Classificação: Livre
Local: Centro Cultural da Juventude

16h
“La Expulsión de Los Jesuitas”, do Tryo Teatro Banda (Chile)
Sinopse: A peça nos mostra os religiosos da Companhia de Jesus chegando ao Chile e empregando um esforço sobre-humano para deter a Guerra de Arauco. No entanto, o próprio Rei da Espanha acaba expulsando de seus reinos aqueles que talvez tenham sido seus ardentes defensores durante as guerras da independência.
Classificação: 13 anos
Local: CEU Azul da Cor do Mar (Zona Leste)

19h30
“Instrucciones para Abrazar El Aire”, do Grupo de Teatro Malayerba (Equador)
Sinopse: Baseada em fatos reais, a peça reconstitui fatos que aconteceram numa casa da cidade de La Plata, Argentina, em 1976. Não se trata de uma reconstituição ao pé da letra, em vez disso vemos a peça sem suas referências históricas; um documento de ficção que chama o autor a este trabalho.
Classificação: 14 anos
Local: CEU Perus (Zona Oeste)

20h
“Ledores no Breu”, da Cia do Tijolo (São Paulo/SP)
Sinopse: Inspirado no texto “Confissão de Caboclo”, do poeta Zé da Luz, e no pensamento e prática do educador Paulo Freire, o espetáculo trata das relações entre homem sem leitura e sem escrita com o mundo ao seu redor.
Classificação: Livre
Local: Instituto Pombas Urbanas

20h
“Fidel-Fidel. Conflicto en La Prensa”, da El Bachin Teatro (Argentina)
Sinopse: É um espetáculo que se insere nos conflitos dos meios de comunicação, do poder que constituem e suas formas de incidir, operar e construir subjetividade, formando opinião de acordo com seus próprios interesses. Um espetáculo onde a figura de Fidel e a Revolução Cubana como brincadeira jogam de forma poética, convertendo-se em inspiração, possibilidade e exemplo de liberação para gerações passadas, presentes e futuras.
Classificação: 12 anos
Local: CEU Casa Blanca (Zona Sul)

20h
“Aquilo que me arrancaram foi a única coisa que me restou”, de Motosserra Perfumada (São Paulo/ SP)
Sinopse: O espetáculo conta a trajetória de Matheus, um homem que corre atrás de tudo aquilo que perdeu na vida. Por trás de toda a correria está a questão do gênero masculino, refletida no seu objetivo principal, que é o de reconquistar os seus olhos para conseguir chorar. Os testemunhos performáticos que interrompem a peça, colocam em questão a construção deste gênero.
Classificação: 16 anos
Local: Anexo (CCSP)


21h
“La Virgen Triste”, da Compañia Galiano 108 (Cuba)
Sinopse: A peça é inspirada nas poesias de Juana Borrero, uma poetiza e pintora cubana que viveu no final do século 19. Ela morreu poucos meses antes de completar 18 anos, foi uma menina prodígio e uma das figuras mais fascinantes do Modernismo Americano.
Classificação: 14 anos
Local: Sala Jardel Filho (CCSP)


20h
“Ledores no Breu”, da Cia do Tijolo (São Paulo/SP)
Sinopse: Inspirado no texto “Confissão de Caboclo”, do poeta Zé da Luz, e no pensamento e prática do educador Paulo Freire, o espetáculo trata das relações entre homem sem leitura e sem escrita com o mundo ao seu redor.
Classificação: Livre
Local: SP Escola de Teatro

17h
“La Expulsión de Los Jesuitas”, do Tryo Teatro Banda (Chile)
Sinopse: A peça nos mostra os religiosos da Companhia de Jesus chegando ao Chile e empregando um esforço sobre-humano para deter a Guerra de Arauco. No entanto, o próprio Rei da Espanha acaba expulsando de seus reinos aqueles que talvez tenham sido seus ardentes defensores durante as guerras da independência.
Classificação: 13 anos
CEU Azul da Cor do Mar (Zona Leste)


Mesas de Intercâmbios:
31/10
14h
Intercâmbio: Cia Malayerba (Equador), Grupo Carmin (RN/Brasil) e Cia do Tijolo (SP/Brasil)
Local: Anexo (CCSP)

6/11
14h
Intercâmbio: Tryo Teatro Banda (Chile) e Motosserra Perfumada (SP/Brasil)
Local: Sala Jardel Filho (CCSP)

8/11
14h
Intercâmbio: A Digna Companhia (SP/Brasil), Compañia Galiano 108 (Cuba) e El Bachin (Argentina)
Local: Sala Jardel Filho (CCSP)

4/11
16h
Mesa Redonda: “Teatro Cidade”, com Rudifran Pompeu (Cooperativa Paulista de Teatro), Bel Garcia (Secretaria Municipal de Cultura) e Valmir Santos (Crítico de teatro/ TeatroJornal)

31/10
19h
Leitura Cênica “Papa Highirte”
Local: Instituto Cultural Pombas Urbanas

6/11
21h
Leitura Cênica “Papa Highirte”
Local: Centro Cultural São Paulo - Sala Jardel Filho

7/11
21h
Leitura Cênica “Papa Highirte”
Local: SP Escola de Teatro

6 e 7/11
14h às 20h
“Crepúsculo da Terra Guarani”
Local: Sala 2 – CCSP

8/11
20h
“Crepúsculo da Terra Guarani”
Local: Sala Jardel Filho – CCSP


SPetaculo

Créditos: SP Escola de Teatro

 

X Mostra Latino-Americana de Teatro de Grupo

01 Nov
e
08 Nov

  • Dom 01/11
    • às 20:00
  • Dom 08/11
    • às 20:00

SP Escola de Teatro - Sede Roosevelt
Praça Franklin Roosevelt, 210 Consolação - Centro São Paulo - SP (11) 3775-8600
Estação República (Metrô - Linha 3 Vermelha e Linha 4 Amarela)
Catraca Livre
*Ingressos são distribuídos uma hora antes de cada atração

30 Out
a
07 Nov

  • diariamente de 30 (Sex) a 31/10 (Sáb)
    • às 21:00
  • Dom 01/11
    • às 20:00
  • Ter 03/11
    • às 21:00
  • Qua 04/11
    • às 20:00
  • Qui 05/11
    • às 21:00
  • Sex 06/11
    • às 20:00
  • Sáb 07/11
    • às 21:00

CCSP - Centro Cultural São Paulo
Rua Vergueiro, 1000 Liberdade - Oeste São Paulo - SP (11) 3397-4002
Estação Vergueiro (Metrô - Linha 1 Azul)
Catraca Livre
*Ingressos são distribuídos uma hora antes de cada atração